1 comentário:
De Anónimo a 5 de Maio de 2007 às 00:25
Ter precedido a excelente entrevista a Judite de Sousa do adjectivo "alegada" salvou a última frase deste post.
Com efeito, apenas alguns, por fidelidade partidária - adianto eu - já que não encontro outras explicações, viram naquela entrevista alguma coisa de positivamente admirável, porque a maioria viu um PM incoerente e dividido entre a arrogância discursiva e a vitimização dos procedimentos vigentes numa universidade que ele próprio escolheu.

Haja paciência para tanta desfaçatez!


Comentar post