1 comentário:
De Luísa a 16 de Fevereiro de 2009 às 02:02
Deixa-me quase sem palavras, Jorge. Muito obrigada pela simpatia e pela generosidade da sua apresentação, que não mereço. :-)


Comentar post