Sábado, 31 de Outubro de 2009

João Correia dispensa apresentações e tem o direito ao benefício da dúvida. Ele sabe melhor que ninguém por que é que a Justiça anda nas ruas da amargura, porque é que os cidadãos não acreditam na Justiça e muitas das coisas que é necessário fazer para mudar este paradigma civilizacional de um Estado de Direito digno desse nome. Sabe, certamente, o longo e espinhoso caminho que terá de percorrer até  que seja verdade aquilo que acaba de dizer hoje, no dia da sua tomada de posse. Não tem, nesse desiderato, um dia que seja de folga.



publicado por Jorge Ferreira às 17:19 | link do post | comentar

A artista plástica Ana Luísa Ribeiro é a vencedora da sétima edição do Prémio Amadeo de Sousa-Cardoso, com a obra "Sem título (subject matter)", anunciou fonte da Câmara Municipal de Amarante. Ana Luísa Ribeiro, nascida em Lisboa em 1962, realizou um extenso percurso de estudos académicos, foi bolseira da Fundação Luso-Americana nos EUA e da Fundação Calouste Gulbenkian em Lisboa, dividindo o seu tempo entre Colónia (Alemanha) e Lisboa. O prémio, com periodicidade bienal, é organizado conjuntamente pela autarquia e pelo Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso e tem duas vertentes. A primeira é o Prémio Amadeo de Souza-Cardoso, que recebe a concurso obras de artistas nacionais e estrangeiros de todas as expressões artísticas, com especial incidência para as novas linguagens artísticas, já que toda a obra de Amadeo esteve ligada à vanguarda do seu tempo. Nesta edição foram apresentadas a concurso 433 obras de 289 artistas, das quais foram pré-seleccionadas 74 obras de 50 artistas, entre as quais foi escolhida a obra de Ana Luísa Ribeiro. A segunda é a atribuição do Grande Prémio Amadeo de Souza-Cardoso que visa distinguir uma carreira ao serviço das Belas Artes, e que foi este ano para o pintor João Vieira, que assim sucede a Ângelo de Sousa (2007), Nikias Skapinakis (2005) Júlio Pomar (2003), Costa Pinheiro (2001), Fernando Azevedo (1999) e Fernando Lanhas (1997). João Vieira nasceu em Vidago, em 1934, e morreu a 05 de Setembro último, em Lisboa, aos 74 anos, na sequência de complicações após uma operação ao coração. Licenciado em Pintura em Lisboa, em 1951, partilhou um estúdio com René Bértholo, Gonçalo Duarte e José Escada e fez parte do grupo do Café Gelo, frequentado pelos surrealistas, com Manuel de Castro, Herberto Hélder, Hélder Macedo e João Rodrigues. O seu percurso é eclético abrangendo não só pintura, mas também a escultura, o teatro, a «performance» e a cenografia, tudo isto aliado aos mais diversos tipos de materiais: acrílico, plexiglas, poliuretanos e gesso, entre muitos outros. O júri da presente edição, presidido por Rui Mário Gonçalves, foi composto por António Cardoso (director do Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso e representante da Câmara de Amarante) e pelos críticos de arte Fátima Lambert, Laura Castro e Miguel von Hafe. A sessão de atribuição dos prémios tem lugar hoje, às 16:00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho da Câmara Municipal de Amarante.

Segue-se a inauguração, pela ministra da Cultura, Gabriela Canavilhas, das exposições no Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso, que estarão patentes até 03 de Janeiro de 2010. Instalado no Convento Dominicano de S. Gonçalo de Amarante, (construído ao longo dos sécs. XVI-XVIII), o Museu Amadeo de Souza-Cardoso foi fundado em 1947, visando reunir materiais respeitantes à história local e lembrar artistas e escritores nascidos em Amarante. Estão entre estes artistas nomes como António Carneiro, Amadeo de Souza-Cardoso, Acácio Lino, Manuel Monterroso, Abade de Jazente, António Cândido, Teixeira de Pascoaes, Augusto Casimiro, Alfredo Brochado, Ilídio Sardoeira, Agustina Bessa Luís e Alexandre Pinheiro Torres.

 

Fonte: Lusa.



publicado por Jorge Ferreira às 13:32 | link do post | comentar

Agora que a equipa do ministério da Educação mudou, ocorreu-me perguntar aos saentes e aos entrantes se acaso sabem em que pé se encontram as devoluções de verbas pagas a João Pedroso por serviços não prestados ao ministério e entretanto contratualmente adiantadas?



publicado por Jorge Ferreira às 13:28 | link do post | comentar

Nesta data, em 1517, Martinho Lutero dava início à reforma protestante na Alemanha, afixando, na porta da Igreja de Wittenberg, as teses contra os abusos e práticas da Igreja de Roma. Em 1887, era inaugurado o novo porto de Lisboa. Em 1896, nascia o maestro português Pedro de Freitas Branco. Em 1929, morriam os políticos portugueses José Relvas e António José de Almeida, nome-chave do Movimento Republicano, antigo Presidente da República, fundador do jornal República. Em 1983, o candidato do Partido Radical argentino, Raul Alfonsin, vencia as eleições gerais. Em 1984, a primeira-ministra indiana, Indira Gandhi, era assassinada, em Nova Deli. Em 1993, morria o cineasta italiano Frederico Fellini, 73 anos. Em 1997, Vale e Azevedo vencia as eleições no Benfica. Em 2003, a japonesa Kamato Hongo, de 116 anos, que se acreditava ser a pessoa mais velha do mundo, morria em Kagoshima. Em 2005, começava a ser emitido o Documento Único Automóvel. No mesmo dia, nascia Leonor, princesa de Espanha. Em 2006, o primeiro-ministro português, José Sócrates, e o presidente moçambicano, Armando Guebuza, assinavam o acordo de transferência do capital da Hidroeléctrica de Cahora Bassa, pondo fim a mais de 30 anos de negociações. Morriam Josué Martins Romão, de 88 anos, militante comunista, preso durante 16 anos no Tarrafal, em Cabo Verde, depois de ter participado na Revolta dos Marinheiros de Setembro de 1936; Bruno Carvalho, 31 anos, alpinista, que integrava a expedição à montanha Shisha Pangma, no Tibete; e Pieter W. Botha, 90 anos, antigo presidente da África do Sul, durante o regime do apartheid. Em 2007, o Governo aprovava uma proposta para facilitar os pedidos de reforma antecipada pelos trabalhadores da administração pública, que poderão solicitá-la em 2008 se tiverem 33 anos de serviço, ou 65 anos de idade e 15 de serviço. A Audiência Nacional espanhola condenava a cerca de 40 mil anos de prisão três dos oito principais acusados dos atentados de 11 de Março de 2004, que causaram 191 mortos e 1.841 feridos.

(Lutero)



publicado por Jorge Ferreira às 13:21 | link do post | comentar

Hoje é Sábado, 31 de Outubro, tricentésimo quarto dia do ano e Dia Mundial da Poupança. Faltam 61 dias para o final de 2009. O dia é dedicado a Stª Joana Delanoue, a “Mãe dos Pobres”. A Lua encaminha-se para a Fase Plena. É Lua Cheia, dia 02 de Novembro, às 19:14. O Sol nasce às 07:03 e o ocaso regista-se às 17:38. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 01:14 e 13:28, a baixa-mar, às 07:03 e 19:24. Os nascidos nesta data pertencem ao signo Escorpião, destacando-se o poeta inglês John Keats (1795), do químico alemão Adolf von Bayer (1835), o escritor italiano Edmondo de Amicis (1846), o escritor Axel Munthe (1857), o poeta brasileiro Carlos Drummond de Andrade (1902), o filósofo austríaco Jean Amery (1912) a actriz norte-americana Bárbara Bel Geddes (1922).



publicado por Jorge Ferreira às 13:19 | link do post | comentar

"Até ao final do ano, será entregue ao procurador-geral da República uma proposta que visa tornar mais fortes as leis anti-corrupção e retomar algumas medidas propostas pelo ex-deputado socialista João Cravinho. O documento vai ser preparado pela equipa de magistrados do Departamento de Investigação e Acção Penal (DCIAP) que investiga alguns dos crimes económicos de elevada complexidade. O objectivo é contornar os obstáculos da actual lei que os magistrados consideram desajustada à realidade e dizem que enfraquece a capacidade de resposta do sistema penal face à complexidade deste crime. Os magistrados vão mesmo propôr medidas concretas. Querem, por exemplo, estender a proibição de qualquer pagamento ou prendas a quem trabalhe na esfera pública e que tenha poder de influenciar decisões. "Gostaríamos de retomar algumas medidas anti-corrupção de Cravinho e apresentar uma proposta ao Sr. procurador-geral da República, que é uma pessoa preocupada com este tema. Caso entenda que a proposta é razoável, poderá apresentá-la ao Governo", revelou ao Económico Cândida Almeida, responsável pelo DCIAP. Dar resposta à corrupção é o objectivo desta magistrada que garante que o tema "vai ser estudado com muito afinco", prevendo reunir com os magistrados do DCIAP durante o mês de Novembro e apresentar a proposta a Pinto Monteiro até ao final do ano.Esta discussão ganha mais força numa altura em que a corrupção voltou à ordem do dia. Foi tornado público o caso ‘Face Oculta' em que a PJ de Aveiro investiga a actividade de um grupo de empresas suspeito de, entre outros crimes, corrupção com tentáculos na esfera empresarial do Estado. Em causa está um esquema organizado de luvas que terá beneficiado o empresário Manuel Godinho na adjudicação de concursos e consultas públicas, na área de recolha e gestão de resíduos industriais."

 

Diário Económico.

 

Safa, eu só não adivinho a sorte grande...

 
 


publicado por Jorge Ferreira às 11:47 | link do post | comentar

"Não comento processos judiciais", disse hoje José Sócrates quando perguntado sobre a Face Oculta do seu partido, algures em Bruxelas. Não comenta processos judiciais, excepto o do Freeport, claro.



publicado por Jorge Ferreira às 03:03 | link do post | comentar

Parece que o Expresso descobriu que o novo ministro dessa coisa fantasma chamada agricultura twittou tanto, tanto, tanto, que ninguém sabe se chegará a apresentar a sua parte do programa do Governo. Internautas de todo o mundo, twitterianos, facebookianos, secondlifianoshi5vianos: apagai-vos uns aos aos outros se quereis vir a ser alguém na vida.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 02:38 | link do post | comentar

Esta luta competitiva entre ceder ao sono e vencer o sono, para continuar a perceber-me. Não sei quem a ganhará. Presumo que a pálpebra, claro. É que somos primeiro natureza, cronologicamente falando. E é natural que a pálpebra vença primeiro a percepção, do que a percepção vença a  pálpebra.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 02:22 | link do post | comentar

Sentir o lento e suave desfazer da luz do fim de tarde, de modo sereno, é apenas uma dádiva. Um suave torpor que se abate sobre um torvelinho de frases que gostaria de ter escrito durante o dia, na vã e presunçosa expectativa que uma mera eternidade, um dia, as revelasse inesperadamente num alfrrabista de vão de escada. Para que a minha vaidade se bastasse na verificação de que alguém tinha reparado naquele tipo.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 01:51 | link do post | comentar

Face Oculta não precisa de mais leis novas, nem de códigos novos, nem de processos legislativos fast food, nem de mais negociações de seitas de bastidores. Precisa de portugueses que tenham a coragem de investigar rápido, julgar rápido e aplicar a lei que existe. Precisa apenas de um punhado de portugueses que os tenham no sítio para agir de acordo com os poderes que o exercício das suas competencias legais lhes confere, para punir exemplarmente esta ignóbil porcaria em que vivemos.



publicado por Jorge Ferreira às 00:19 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Sexta-feira, 30 de Outubro de 2009

Mário Lino diz que não é passível de pressão. Claro que não é. "Jamais".



publicado por Jorge Ferreira às 21:43 | link do post | comentar

"Imediatamente a seguir à tomada de posse do XVIII governo constitucional, liderado por José Sócrates, o regime desceu ao nível do lixo e da sucata".

Rui Costa Pinto, Crónicas Modernas.



publicado por Jorge Ferreira às 20:16 | link do post | comentar

 

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 18:45 | link do post | comentar

"A coerência do PS-governo está posta à prova. Se não quiser sair como arguido deste teste, obviamente demitam-nos. E se o tribunal os absolver, arranjem-lhes então novas prebendas gestionárias, o que não é nada difícil".

 

João Tunes, no Água Lisa.



publicado por Jorge Ferreira às 18:21 | link do post | comentar

“Vou ficar como vereador a lutar pelo que acredito”, disse Pedro Santana Lopes, que encabeçou a a coligação “Lisboa com Sentido”, que uniu PSD, CDS-PP, MPT e PPM, nas últimas eleições autárquicas de 11 de Outubro. Lopes é daqueles que se ama ou se odeia. Não deixa margem para a indiferença política e eleitoral. Agora: esta decisão é um bofetadão em tanta gente ao mesmo tempo que eu me sinto no dever de sublinhar e louvar aquilo que não deveria ser necessário sublinhar e louvar: respeitar um compromisso. CHAPEAU! Tanto mais vistoso, aliás, quanto o curriculum político que ostenta e que cá nas aldeias do chinquilho e da malha ao sábado de manhã seria imediatamente rebaixado como o político que andou de cavalo para burro...
 



publicado por Jorge Ferreira às 18:04 | link do post | comentar

As escolhas Blitz para os 25 melhores albuns de música portuguesa:

 

Anos 60

1. Carlos Paredes - Guitarra Portuguesa
2. Amália Rodrigues - Busto
3. José Afonso - Cantares de Andarilho
4. Filarmónica Fraude - Epopeia
5. Alfredo Marceneiro - The Fabulous Marceneiro

Anos 70

1. José Afonso - Cantigas do Maio
2. Carlos Paredes - Movimento Perpétuo
3. José Mário Branco - Mudam-se Os Tempos, Mudam-se as Vontades
4. Amália Rodrigues - Com Que Voz
5. Carlos do Carmo - Um Homem na Cidade

Anos 80

1. Rui Veloso - Ar de Rock
2. Heróis do Mar - Heróis do Mar
3. GNR - Independança
4. Fausto - Por Este Rio Acima
5. Madredeus - Os Dias da Madredeus

Anos 90

1. Pedro Abrunhosa – Viagens
2. Mão Morta - Mutantes S. 21
3. Ornatos Violeta - O Monstro Precisa de Amigos
4. Rui Veloso - Mingos & Os Samurais
5. Ornatos Violeta - Cão

Anos 00

1. Humanos – Humanos
2. Camané - Esta Coisa da Alma
3. Dead Combo - Vol. 1
4. Sam The Kid - Beats (Vol.1)
5. Rodrigo Leão - Cinema

 

O Partido que eu tomo:

 

1. Carlos Paredes - Guitarra Portuguesa

5. Carlos do Carmo - Um Homem na Cidade

5. Madredeus - Os Dias da Madredeus

5. Rodrigo Leão - Cinema

 

Prontosssssssssss. Agora chamem-me lá fassissta...

 



publicado por Jorge Ferreira às 17:36 | link do post | comentar | ver comentários (2)

A taxa de desemprego em Portugal aumentou para 9,2% em Setembro, revelou esta sexta-feira o Eurostat. Assim avança Portugal, de TGV no desemprego até ao apeadeiro socialista de Madrid...
 



publicado por Jorge Ferreira às 17:32 | link do post | comentar

Mário Lino negou hoje ter recebido qualquer tipo de pressão de Armando Vara no sentido de demitir a administração da REFER, envolvido na investigação “Face Oculta”. Pronto, está resolvido. Foi mentira. Oiça-se o próximo.
 



publicado por Jorge Ferreira às 17:27 | link do post | comentar

Em 1823 morria o inventor do tear a vapor, o inglês Edmund Cartwright. Em 1910, morria o fundador da Cruz Vermelha, o suíço Jean Henri Dunat, primeiro Prémio Nobel da Paz, em 1901. Em 1911, o jovem imperador da China de cinco anos, Pu-Yi, jurava a Constituição que marcou o fim do domínio Manchu. Em 1928, no Reino Unido, começavam as transmissões experimentais de televisão. Em 1938, Orson Welles transmitia a versão radiofónica da "Guerra dos Mundos", de H G Wells. Em 1954, era inaugurada a Ponte de Stª Clara, em Coimbra. Em 1956, morria o escritor espanhol Pio Baroja. Em 1975, em Espanha, Juan Carlos assumia interinamente a chefia do Estado espanhol. Em 1980, morria o actor português Barreto Poeira. Em 1987, o Reino Unido vendia a British Petroleum, a mais importante privatização verificada até então. Em 1995, o referendo sobre a independência do Quebeque, no Canadá, dava a vitória aos federalistas. Em 2003, morriam dois cantores líricos, o tenor português Carlos Jorge, de 81 anos, nome marcante do Teatro de São Carlos, e o tenor italiano Franco Corelli, aos 82 anos, uma das mais importantes vozes do século XX. Em Espanha, morria o escritor Joan Perucho, de 82 anos, autor de "Histórias Naturais". Em 2006, o antigo ditador chileno Augusto Pinochet era colocado em prisão domiciliária, acusado de tortura e desaparecimento de pessoas durante o regime militar (1973-1990).

(Orson Wells)

 



publicado por Jorge Ferreira às 13:56 | link do post | comentar

Hoje é Sexta-feira, 30 de Outubro, tricentésimo terceiro dia do ano e Dia Nacional de Prevenção do Cancro da Mama. Faltam 62 dias para o final de 2009. Este dia é dedicado a São Marcelo, Centurião, e a São Cláudio e Companheiros, Mártires. A Lua encaminha-se para a Fase Plena. Lua Cheia, dia 02 de Novembro, às 19:14. O Sol nasce às 07:02 e o ocaso regista-se às 17:39. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 00:36 e 12:49, a baixa-mar, às 06:25 e 18:49. Os nascidos nesta data pertencem ao signo Escorpião, destacando-se o pintor Alfred Sisley (1839), o poeta francês Paul Valéry (1871), o escritor norte-americano Ezra Pound (1885), o cineasta Louis Malle (1932), Diego Maradona (1960), o músico Gavin Rossdale (1967).

(Ezra Pound)



publicado por Jorge Ferreira às 13:51 | link do post | comentar

Quinta-feira, 29 de Outubro de 2009

Por que é que me fui lembrar disto agora?...



publicado por Jorge Ferreira às 23:09 | link do post | comentar

O vereador eleito pelo PS para Câmara de Oeiras, Marcos Perestrello, disse hoje que suspenderá o mandato por "incompatibilidade" com a função de secretário de Estado da Defesa, que assume no sábado. Para quando a vergonha de não brincar com o voto dos eleitores, com os mais nobres princípios da democracia representativa e com o mínimo de decoro político, ainda que sob os menos exigentes padrões do Burkina Faso? No fundo, a questão é sempre a de saber qual é a gamela que mais vai gamelando.



publicado por Jorge Ferreira às 20:55 | link do post | comentar | ver comentários (1)

União Europeia aceita exigências da República Checa para ratificação do Tratado de Lisboa. Vale a pena não ser capacho e nem todos os joelhos dos líderes europeus conseguem ser dobrados pelo herói de Vale de Maçada.



publicado por Jorge Ferreira às 20:45 | link do post | comentar

"Santana Lopes pode não ter jeito para algumas tarefas e ter muita razão de queixa do seu próprio partido, mas sobeja-lhe em coragem e disponibilidade para o combate politico o que falta em honestidade intelectual, seriedade e mérito a outros correligionários que não passam de mitos urbanos que abandonaram o partido em tempos difíceis e dele muito se aproveitaram à custa de todos os portugueses".

 

O meu elogio a Santana Lopes, por Paulo Ferreira, no novíssimo A Regra do Jogo.



publicado por Jorge Ferreira às 18:18 | link do post | comentar

E o pantano de Guterres ainda mexe, mexe, mexe... e suga, suga, suga. Ou Constancio de novo metido numa camisa de onze varas...



publicado por Jorge Ferreira às 17:31 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Nesta data, em 1863, era fundada a Cruz Vermelha, por iniciativa de Henri Dunant, primeiro Prémio Nobel da Paz (1901). Em 1888, era assinada, em Constantinopla, a Convenção do Canal do Suez. Em 1911, morria o jornalista norte-americano Joseph Pulitzer. Em 1923, era proclamada a República da Turquia. Em 1936, as autoridades portuguesas colocavam em funcionamento o campo de concentração do Tarrafal, em Cabo Verde, com a chegada dos primeiros 150 presos políticos. Em 1956, tropas israelitas invadiam a Península do Sinai. Em 1962, os EUA levantavam o bloqueio a Cuba. Em 1963, começava o julgamento de Nelson Mandela na África do Sul. Em 1969, era enviada a primeira mensagem de correio electrónico entre dois computadores (e-mail em rede) situados em locais distantes. Em 1983, Lisboa juntava-se às manifestações europeias de protesto pela instalação de novas armas nucleares na Europa Ocidental. Em 1985, o dirigente do PSD, Aníbal Cavaco Silva, era convidado a formar o X Governo Constitucional. Em 1989, o Partido Socialista Operário Espanhol, de Felipe Gonzalez, mantinha a maioria absoluta nas eleições nacionais. Em 2003, era inaugurado o Estádio Cidade de Coimbra, com o jogo Académica - Benfica. Em 2004, a acta final e o Tratado Constitucional da União Europeia eram assinados em Roma pelos chefes de Estado e de Governo dos 25 países. Em 2005, realizava-se uma manifestação de pesar em Seine-Saint-Denis, pela morte acidental de dois adolescentes em Clichy-sous-Bois, nos arredores de Paris, durante uma perseguição policial. Em 2006, Luiz Inácio Lula da Silva era reeleito presidente do Brasil, com 60,83% dos votos, na segunda volta das eleições presidenciais, enquanto os sérvios aprovavam em referendo a Constituição que consagrava a integração do Kosovo, de maioria albanesa, no país.Em 2007, os portugueses elegiam a declaração de impostos pela Internet e as Lojas do Cidadão como as medidas mais relevantes entre as adoptadas pela administração pública nos últimos anos, segundo um estudo que revelava também que os portugueses acham que há demasiados funcionários públicos.

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 12:17 | link do post | comentar

Hoje é Quinta-feira, 29 de Outubro, tricentésimo segundo dia do ano, Dia Mundial do Acidente Vascular Cerebral e Dia Mundial da Psoríase. Faltam 63 dias para o final de 2009. O dia é dedicado a S. Narciso, Bispo, e ao Beato Padre Miguel Rua, primeiro sucessor de S. João Bosco no governo da Congregação Salesiana. A  Lua encaminha-se para a Fase Plena. É Lua Cheia, dia 02 de Novembro, às 19:14. O Sol nasce às 07:01 e o ocaso regista-se às 17:40. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 12:05, a baixa-mar, às 05:42 e 18:10. Os nascidos neste dia pertencem ao signo Escorpião, destacando-se Edmund Halley (1656), o escritor de policiais Frederic Brown (1906), o actor norte-americano Richard Dreyfuss (1947).



publicado por Jorge Ferreira às 12:15 | link do post | comentar

Teria feito 80 anos no dia 24 de Outubro. Nuno Abecassis. Não esqueço. O que fez. O que me ensinou. Os exemplos. A virtude que só os sábios são capazes. A lealdade. A capacidade de olhar uma cidade pelos olhos das pessoas que lá vivem. A insatisfação permanente. A exigencia de mais um folego quando o julgávamos já a dormir. E ainda de mais outro folego, quando julgávamos já lhe ter excedido as melhores expectativas. Tudo. E tanto pigmeu que nem sabe nem sonha...

 

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 03:33 | link do post | comentar

Depois de uma Fundação para a Prevenção e Segurança, parece ter-se tornado necessário criar uma Fundação para a Prevenção da Segurança Bancária.

 

Lisboa, 18 Jan (Lusa) - O BCP anunciou hoje a distribuição de pelouros do conselho de administração executivo presidido por Carlos Santos Ferreira, que atribui ao presidente as áreas de auditoria, Millennium Angola, Millennium 2010, secretaria-geral e relações com as autoridades.

 



publicado por Jorge Ferreira às 03:03 | link do post | comentar

Louca, ingénua, com mau feitio. Firme, persistente e empreendedora, dizem outros. Maria Conceição, de 32 anos, não é uma mulher de definição fácil. Portuguesa a viver no Dubai, onde trabalha como assistente de bordo da Emirates Airlines, tem sido comparada à Madre Teresa de Calcutá, associação que ela faz muito bem em recusar. Agitou consciências e sacudiu centenas de vidas no Bangladesh, um dos estados mais pobres do mundo. Há quatro anos, depois de uma escala de 24 horas no país, decidiu criar uma obra de solidariedade com o objectivo de dar educação, alimentação, cuidados de saúde e apoio comunitário a mais de meio milhar de crianças carenciadas de um subúrbio de Daca, a capital do Bangladesh. O reconhecimento desse trabalho valeu-lhe agora a nomeação para o Prémio Mulher do Ano dos Emirados Árabes Unidos (EAU), na categoria de Acção Humanitária, que poderá vir a receber, ou não, no próximo dia 17 de Novembro. Mesmo que não receba, fica desde já aqui registada, patenteada e vindorada para o que der e vier. Que elite, não é só estatueta, não é só Lux nem Caras (nem sobretudo isso, digo eu ...), mas o exemplo radical de vida mesmo que poucos só venham a saber numa quaquer revista Única do Espresso anos depois de ter sido ou de não ter sido.

 

Fonte: Expresso.



publicado por Jorge Ferreira às 02:16 | link do post | comentar

Depois de notícias inesperadas de fim noite, de uma vagas, mesmo vagas leituras de fim de noite, de uns quantos devaneios de absurdo silêncio pelas fraquezas da vida e pelos sortilégios de umas sirenes anónimas algures entre sinistros longínquos e para mim anónimos - curioso como um sinistro que não vemos é para nós um sinistro anónimo que não existe portanto - reencontro, lento, seguro, progressivo, com o alastrante silêncio da noite que nenhuma palavra derrota, nenhum som contamina, apenas um pombo aqui à entrada da janela do meu quarto vem perguntar de mim. Pisco-lhe o olho. Ele, impávido, fita-me. Nem uma inesperada migalha de pão parece ter força para afastar o olhar fito desta criatura do meu olhar fito no olhar fito nele. Ou será o breu que lhe furta a migalha? A noite, há-de, pois resolver. Ele não resistirá à migalha. Eu sei, é a natureza. Eu, sucumbirei a contra-gosto à força irresistível da pálpebra que quebra. Eu sei, é a natureza.

(Foto)


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 01:04 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Armando Vara, colocado no Millennium pela operação socialista BCP (esquecidos...) tornou-se um arguido desoculto. Presume-se inocente. Prepare-se Prós & Prós, mais o seu insuportável, inenarrável, interminável desfile de lugares comuns judiciários sobre presunções, segredos, morosidades e horrores judiciários. E o Governo, esse, reze pelo Saviola e pelo Cardozo para ver se isto não descamba.

 

Actualização: diz que é negócio de lixo. Não duvido.



publicado por Jorge Ferreira às 00:42 | link do post | comentar

Temo que a avidez com a opinião publicada esteja a dissecar a árida matéria dos nomes dos secretários de Estado não encontre a mínima correspondencia com as preocupações reais do país. E, se eu estiver certo, eis como é fácil eu descobrir uma boa causa para me identificar com o meu país!


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 00:31 | link do post | comentar

Uma questão de respeito, pelo João Gonçaves, já não no Portugal dos Pequeninos mas já mesmo no Portugal das Miniaturinhas. Respeito, João? Qu'é lá isso? Para se ter respeito pelos outros é preciso começar por se ter respeito por si próprio. Nenhuma miniaturinha tem.



publicado por Jorge Ferreira às 00:10 | link do post | comentar

Quarta-feira, 28 de Outubro de 2009

À Rua da Judiaria, do excelente Nuno Guerreiro Josué. Seis anos já é obra. E da boa.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 23:52 | link do post | comentar

Já agora, para quem já ouviu falar na coisa, mas nunca teve oportunidade de a ver de perto e ao vivo, permito-me, com vénia ao Leonel Vicente reproduzir um acordo escrito de "bloco central", chapéu de chuva onde em notas de pé de página, tipo contratos de adesão aparecem as letrinhas pequeninas, que ninguém lê, mas que é onde está o que realmente interessa: poder, alcatifas, pelouro, penacho, gabinete, sofás de afundanço para selar bons negócios, de sucatas por exemplo, motoristas, viaturas de serviço para ir ao Vau em Agosto ver Mário Soares, secretária Lizete, telefone integrado de video e fax, farpelas adomingadas, administrações em empresas municipais, serviços municipalizados, licenças, taxas, títulos e demais utensílios de trens de cozinha que ninguém sabe para que servirão, mas que na altura própria revelarão todo o génio de quem lá o pôs, pois que alguém, certamente, vai precisar deles.

(Camara Municipal de Tomar)



publicado por Jorge Ferreira às 23:24 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Existe uma riquíssima blogoesfera local activa, dinâmica, influente, polémica, agressiva sobre os quatro cantos de Portugal. Por circunstâncias várias, umas públicas, outras privadas, tenho-me dedicado ultimamente a acompanhar especialmente a blogoesfera tomarense, que julgo não dever fugir muito à regra da que pontua os quatro cantos de Portugal. De lá, permito-me destacar o Tomar a Dianteira, o Tomar, do incontornável Leonel Vicente, o Tomar, a Cidade, do militante tomarense Luís Ribeiro, o Algures Aqui, do militante socialista, agora cara metade bloco central com Miguel Relvas, Hugo Cristovão e o Nabantia, escrito por curioso cuja identidade não interessa, mas cujo anonimato não é dos que exovalham nem conspurcam. Há muitos mais, (desde logo os vários projectos de Virgílio Alves, que colaborou no blogue Eleições 2009, do Público.Desculpo-me, desde já, por ficar por aqui. Ora, justamente no Nabantia descubro uma pérola: Miguel Relvas, do PSD, talvez ex-futuro-vice-de-qualquer coisa de Pedro Passos Coelho  no PSD, no Governo, na ONU, em Plutão, onde fôr, prepara-se para convidar Carlos Trincão, o intelectual local do partido Louçã para dirigir as comemorações da fundação dos 850 anos da fundação de Tomar, que ocorrem para o ano. Vale a pena ler e, se for verdade, chorar por mias...

(Gualdim Pais)


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 22:58 | link do post | comentar

A seguir com muita atenção as movimentações ao nível de secretários de Estado no sector dos serviços de informações, ulimamente tão mundanos e subitamente tão postos em sossego. Como o que vai suceder,não para já, é claro, que ainda há socialistas com savoir faire, nas cúpulas da Polícia Judiciária. Será que vai continuar a média de rotação dos últimos nove anos?



publicado por Jorge Ferreira às 16:11 | link do post | comentar

No Comunicar a Direito.



publicado por Jorge Ferreira às 15:40 | link do post | comentar

Jorge Ferreira, agora com 26 anos, que saiu da Cadeia de Custóias faz no dia 1 de Dezembro um ano, depois de cumprir dois anos, sete meses, um dia e cinco horas de prisão por conduzir sem habilitação legal durante tantos anos. No total, foi apanhado pela polícia 60 vezes.



publicado por Jorge Ferreira às 15:39 | link do post | comentar

Em 1856, era inaugurado o primeiro troço de caminho-de-ferro entre Lisboa e o Carregado. Em 1918, era fundada a República da Checoslováquia. Em 1919, começava a chamada Lei Seca, proibição de venda de bebidas alcoólicas, nos EUA. Em 1922, os fascistas italianos de Benito Mussolini tomavam o poder. Em 1954, o Prémio Nobel da Literatura era atribuído ao norte-americano Ernest Hemingway. Em 1958, começava o pontificado de João XXIII. Em 1962, o líder soviético Nikita Krutschev anunciava a retirada dos mísseis soviéticos de Cuba. Em 1971, a Câmara dos Comuns votava a favor da entrada do Reino Unido na CEE. Em 1983, abria a Estação Zootécnica Nacional, em Santarém e os EUA vetavam a resolução da ONU que condenava a invasão de Granada. Em 1989, elementos da extrema-direita portuguesa assassinavam, em Lisboa, o dirigente do PSR José Conceição Carvalho. Em 1995, tomava posse o XIII Governo Constitucional, o primeiro liderado por António Guterres. Em 2000, a Liga Democrática vencia as primeiras eleições na província sérvia do Kosovo. Em 2007, Cristina Kirchner, mulher do presidente cessante da Argentina, Nestor Kirchner, e candidata favorita às presidenciais, era eleita presidente à primeira volta, com 44,8%, tornando-se na primeira mulher eleita presidente da Argentina. Morria o activista chinês pró-democracia Bao Zunxin, um dos líderes das manifestações de Tiananmen em 1989, de doença, aos 70 anos. Em 2008, o relatório final do inquérito ao último acidente na Linha do Tua apontava "defeitos grosseiros" na via-férrea e anomalias na automotora que conjugados terão originado o descarrilamento a 22 de Agosto. Diego Maradona era nomeado seleccionador da Argentina.

(Cristina Kirchner)



publicado por Jorge Ferreira às 15:24 | link do post | comentar

Hoje é Quarta-feira, 28 de Outubro, tricentésimo primeiro dia do ano e Dia Mundial da Terceira Idade. Faltam 64 dias para o final de 2009. O dia é dedicado aos StºsSimão e Judas, Apóstolos.A Nos céus, a Lua encaminha-se para a Fase Plena. É Lua Cheia, dia 02 de Novembro, às 19:14. O Sol nasce às 06:59 e o ocaso regista-se às 17:41. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 11:13 e 23:54, a baixa-mar, às 04:49 e 17:25. Os nascidos nesta data pertencem ao signo Escorpião, destacando-se Erasmo de Roterdão (1467), os escritores E. M. Foster (1879) e Evelyn Waugh (1903), o artista Francis Bacon (1909), o investigador norte-americano Jonas Edward Salk (1914), que criou a vacina contra a poliomielite, o autor de “thrillers” Michael Crichton (1942), Bill Gates (1955), a actriz Julia Roberts (1967).

(Julia Roberts)



publicado por Jorge Ferreira às 15:20 | link do post | comentar

Devagar, devagarinho, aproxima-se em chinelinhos de lã a póxima época natalícia. Como ultimamente tenho perdido um bocado a timidez, desde já sugiro a amigos, conhecidos, beneméritos que não se coibam de me olissiponar abundante e convenintemente no sapatinho. Sintam-se completamente à vontade. Não se inibam.



publicado por Jorge Ferreira às 02:48 | link do post | comentar

«Vinte anos após a queda do muro de Berlim, os arquivos da polícia política da ex-República Democrática Alemã [...] continuam a revelar segredos. Entre 1950 e 1989, essa polícia empregou um total de 274.000 pessoas. Quando foi extinta, tinha 91.015 funcionários, além de 173.081 “colaboradores não-oficiais” (inoffizielle Mitarbeiter), dos quais 1.553 informadores identificados actuavam na República Federal Alemã (RFA). Dada a destruição dos arquivos da Stasi em Berlim, é difícil saber ao certo quantos informadores tinha essa polícia, embora se pense que possam ter chegado ao meio milhão (1950-1989). Ou seja, informadores incluídos, a Stasi terá tido um espião por cada 66 cidadãos da RDA. Após a queda do muro, os homens da Stasi dedicaram-se a destruir documentação nas trituradoras de papel ou a rasgar à mão os documentos mais comprometedores, queimando-os de seguida. No entanto, em 15 de Janeiro de 1990, as instalações dessa polícia foram tomadas de assalto por centenas de cidadãos, que conseguiram recuperar mais de 16.000 sacos com pedaços de papel rasgados, correspondendo a cerca de 45 milhões de páginas. Depois da reunificação, houve um intenso debate sobre o que se deveria fazer com esses arquivos, acabando por ser o destino destes decidido no início dos anos 90. [...]»

 

Eduardo Pitta, no Da Literatura.

(Foto)

 


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 02:20 | link do post | comentar

Há rastos e rastos e rastos. Há uns que sentimos como nos apetece sentir que os deixámos. São os os rastos democráticos, dóceis, alucinogénios, de certa maneira hipócritas, que nos deixam a liberdade de sentir o significado que o nosso atávico egoísmo nos apetece atribuir-lhes. Podemos surpreendermo-mos com a ductibilidde manhosa desse rasto. É bom, mas depois passa. Deve ser essa a sensação da célebre ressaca. Nunca experimentei drogas por opção, apenas por estrita necessidade médica, mas deve ser mais ou menos assim. Deve saber bem voar, mas depois o peso da ressaca anula-nos num  ápice, efémero prazer de segundos, minutos, horas até, que a antecederam. Deve vir daí a voracidade com que os procuramos, porque sabemos que acabam numa questão de tempo. É o rasto armadilha, que entusisma , mas não alimenta. Que engorda a adiposidade emocional, mas nos tritura de abulimia acto contínuo, levando-nos a um  estado de necessidadde dinâmica progressiva, que não raro culmina numa overdose de vazio radical e desesperadamente insuperável.

 

Mas depois há os rastos verdadeiros. Os que fizémos e de nós altivamente se foram libertando, para que da ocidental praia lusitana e em perigos maiores do que prometia a força humana, da lei do rasto se foram libertando. Para começar a construção dos seus próprios rastos, noutras praias. São os mais difíceis, mas são dos que gosto mais. Somos sempre paternalistas em relação aos nossos rastos. Dos primeiros tornamo-nos escravos. Dos segundos, seremos parceiros ou não seremos e perderemos o rasto. Acontece que estes rastos de segunda é que são genuínos. São os bons. Dão mais trabalho, oh vã vertigem de preguiça, que a mera contemplação balofa. Exigem-nos mais, sempre mais, mesmo quando só nos fitam e nas palavras que dizem escondem silêncios que custam decifrar. Palavras com significado não verbal, fingindo-se alheias, às vezes frias, falsas frias, sem dó nem piedade sobre o inconsequente privilégio da contemplação que o vício com que nos habituamos a ver os primeiro rastos, nos iludimos podendo também olhar os segundos.

 

Eu sei que há quem despreze o lixo blogoférico, sobretudo quando o mau cheiro ameaça cair-lhes em cima, Passada a ETAR dos dias e tudo passa, tudo, a preocupação desaparece e até se abrem mais uns bloguezitos. Eu felizmente, já tinha este mesmo à mão. E calhou bem. Ontem e hoje aconteceu-me cruzar com um rasto de cada tipo.

 

(Foto)


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 01:30 | link do post | comentar

Luís Filipe Menezes defendeu hoje que poderia estar neste momento a formar governo, caso não tivesse abandonado a presidência do PSD. “Saí porque me fizeram a vida negra. Tenho a consciência que se tivesse ficado porventura o PSD hoje estava a formar Governo”, afirmou Luís Filipe Menezes ao Público. Apenas lhe faltou a coragem de apôr o necessário adjectivo: bom, um bom Governo.



publicado por Jorge Ferreira às 01:16 | link do post | comentar

Terça-feira, 27 de Outubro de 2009

Sou dos prefiro ser campeão em Maio do que recordista de goleadas em Outubro. Como já escrevi, benfiquista escaldado de boa pré-época tem medo e lembro-me como se fosse ontem de um prometedor Benfica-Nápoles da época passada, que meteu Suazada da grande e tudo e lembro-me como se fosse ontem de uma vimaranada que meteu antolgia poética paar violoncelo e contrabaixo de Aimarada e Suazada e lembro-me como se fosse ontem de calar Anfield Road onde o Potro leva que contar e o nosso Simão é que cantou uma partitura erudita luso-holandesa e lembro-me como se fosse ontem de ter calado o tal super-Ronaldo do teatro dos sonhos, cá e lá, e lembro-me, lembro-me, lembro-me... agora, confesso-me verdadeiramente comovido com tanta preocupação com o meu estado de saúde emocional e mais o de milhões de benfiquistas com a recital de futebol do Glorioso. Bem sei: ninguém esperava que o Benfica este ano comprasse um treinador, comprasse Aimar, comprasse Di Maria, comprasse Fábio Coentrão, comprasse Saviola, comprasse Oscar Cardoso, Mas foi assim. É a vida. Entretanto Quique decidiu ir atazanar a vida ao Simão Sabrosa para Madrid. Não desesperes, pá. Há sempre lugar para mais um...

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 22:42 | link do post | comentar | ver comentários (3)

Obrigado, Sá Pinto! De ler e chorar por mais...



publicado por Jorge Ferreira às 20:33 | link do post | comentar

Foi descoberto um tubarão de seis metros na Austrália, enquanto o filho de Mitterand era condenado em França a uns módicos seis anos de prisão por tráfico de armas no Angolagate. Países bizarros, estes, em que os fenómenos do Entrocamento medem seis metros, mordem e matam, quem lhes põe a pernoca à frente e que quem trafica armas vai dentro. Paíes estranhos, estes, de facto. Só não sei se o Miterrandzinho ainda vai chegar a autarca de alguma coisa por lá, essas verdadeiras paragens de fenómenos a sério. Por cá, tubarões desses de seis metros, tenho as minhas dúvidas, nem nas piscinas dos Olivais. Já quanto à outra parte da notícia, hum... não sei não.



publicado por Jorge Ferreira às 17:56 | link do post | comentar

JORGE FERREIRA

tomarpartido@sapo.pt

visitantes em linha

English version by Google
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30



DESTAQUES




TAMBÉM ESTOU AQUI

Jorge Ferreira

Cria o Teu Crachá

Aveiro
Comunicar a direito
Democracia liberal
Diário de aveiro
Jorge ferreira
O carmo e a trindade
O templário
Terras de mármore
Tv net

O PARTIDO DOS AMIGOS

A cagarra
Alinhavos
Cão com pulgas
Eclético
Faccioso
Ilha da madeira
Fumaças
Mais actual
Meu rumo
Paris
Sobre o tempo que passa
Tubarão


OUTROS PARTIDOS

A arte da fuga
A barbearia do senhor luís
A casa de sarto
A casa dos comuns
A caveira vesga
A caverna obscura
A civilização do espectáculo
A destreza das dúvidas
A educação do meu umbigo
A gota de ran tan plan
A grande alface
A janela do ocaso
A natureza do mal
A origem das espécies
A outra varinha mágica
A regra do jogo
A revolta das palavras
a ritinha
A terceira noite
A textura do texto
A voz do povo
A voz nacional
A voz portalegrense
As escolhas do beijokense
As penas do flamingo
Abrigo de pastora
Abrupto
Às duas por três
Activismo de sofá
Admirável mundo novo
Adufe
Água leve
Água lisa
Alcabrozes
Alianças
Aliança nacional
Almocreve das petas
Apdeites v2
Arcadia
Arde lua
Arpão
Arrastão
Aspirina b
Atuleirus
Avatares de um desejo

Bar do moe, nº 133
Blasfémias
Bem haja
Berra-boi
Bic laranja
Bicho carpinteiro
Binoculista
Bissapa
Blogo social português
Blogotinha
Blogs e política
Blogue de direita
Blogue da sedes
Blogue real associação de lisboa
Blue lounge
Boca de incêndio
Boina frígia
Braga blog
Branco no branco
Busturenga

Cabalas
Café Bar James Dean
Café da insónia
Caixa de petri
Caixa de pregos
Câmara corporativa
Campos da várzea
Canhoto
Carreira da í­ndia
Causa liberal
Causa nossa
Cegos mudos e surdos
Centenário da república
Centurião
Certas divergencias
Chá preto
Charquinho
Cibertúlia
Cinco dias
Classe polí­tica
Clube das repúblicas mortas
Clube dos pensadores
Cobrador da persia
Combustões
Confidências
Congeminações
Contingências
Controversa maresia
Corta-fitas
Crónicas d'escárnio e mal dizer

Da condição humana
Da literatura
Da rússia
Dar à tramela
Dass
De vexa atentamente
Der terrorist
Delito de opinião
Desconcertante
Desesperada esperança
Despertar da mente
Direito de opinião
Do portugal profundo
Dois dedos de prosa e poesia
Dolo eventual
Duas cidades
Duas ou três coisas
2 rosas

É curioso
É tudo gente morta
e-konoklasta
Em 2711
Elba everywhere
Em directo
Encapuzado extrovertido
Entre as brumas da memória
Enzima
Ephemera
Esmaltes e jóias
Esquissos
Estado sentido
Estrago da nação
Estudos sobre o comunismo
Espumadamente
Eternas saudades do futuro

Falta de tempo
Filtragens
Fliscorno
Fôguetabraze
Foram-se os anéis
Fúria dos dias

Gajo dos abraços
Galo verde
Gazeta da restavração
Geometria do abismo
Geração de 80
Geração de 60
Geração rasca
Gonio
Governo sombra

Há normal?!
Herdeiro de aécio?!
Hic et nunc
Hoje há conquilhas, amanhã não sabemos
Homem ao mar

In concreto
Ideal social
Ideias soltas
Ilusão
Império lusitano
Impressões de um boticário de província
Insinuações
Inspector x
Intimista

Jacarandá
Janelar
Jantar das quartas
João Távora
Jornal dos media
José antónio barreiros
José maria martins
Jose vacondeus
Judaic kehillah of portugal - or ahayim
Jugular
Julgamento público

Kontrastes

La force des choses
Ladrões de bicicletas
Largo da memória
Largo das alterações
Latitude 40
Liblog
Lisbon photos
Lobi do chá
Loja de ideias
Lusitana antiga liberdade
Lusofin

Ma-schamba
Macroscópio
Maioria simples
Maquiavel & j.b.
Margem esquerda
Margens de erro
Mar salgado
Mas certamente que sim!
Mau tempo no canil
Memória virtual
Memórias para o futuro
Metafísica do esquecimento
Miguel teixeira
Miniscente
Minoria ruidosa
Minudencias
Miss pearls
Moengas
Movimento douro litoral
Mundo disparatado
Mundus cultus
My guide to your galaxy

Não há pachorra
Não não e não
Nem tanto ao mar
Neorema
Nocturno
Nortadas
Notas formais
Notícias da aldeia
Nova floresta
Nova frente
Num lugar à direita
Nunca mais

O afilhado
O amor nos tempos da blogosfera
O andarilho
O anónimo
O bico de gás
O bom gigante
O cachimbo de magritte
O condomínio privado
O contradito
O diplomata
O duro das lamentações
O espelho mágico
O estado do tempo
O eu politico
O insubmisso
O insurgente
O islamismo na europa
O jansenista
O jumento
O observador
O país do burro
O país relativo
O pasquim da reacção
O pequeno mundo
O pravda ilhéu
O principe
O privilégio dos caminhos
O profano
O reaccionário
O saudosista
O severo
O sexo dos anjos
O sinaleiro da areaosa
O tempo das cerejas
O universo é uma casca de noz
Os convencidos da vida
Os veencidos da vida
Obrigado sá pinto
Oceano das palavras
Office lounging
Outra Margem
Outubro

Palavra aberta
Palavrussaurus rex
Pangeia
Papa myzena
Patriotas.info
Pau para toda a obra
Pedra aguda
Pedro_nunes_no_mundo
Pedro rolo duarte
Pedro santana lopes
Pena e espada
Perguntar não ofende
Planetas politik
Planí­cie heróica
Playbekx
Pleitos, apostilas e comentários
Politeia
Política pura e dura
Polí­tica xix
Polí­tica de choque
Politicazinha
Politikae
Polvorosa
Porcausasemodivelas
Porto das pipas
Portugal dos pequeninos
Por tu graal
Povo de bahá
Praça da república em beja
Publicista

Quarta república

Registo civil
Relações internacionais
Retalhos de edith
Retórica
Retorno
Reverentia
Revisões
Ricardo.pt
Risco contínuo
Road book
Rua da judiaria

Salvaterra é fixe
Sem filtro
Sempre a produzir
Sentidos da vida
Serra mãe
Sete vidas como os gatos
Small brother
Sociedade aberta
Sociologando
Sorumbático
Sou contra a corrente
Super flumina

Táxi
Tempo político
Tenho dito
Teorias da cidade
Tese & antítese
Tesourinhos deprimentes
There is a light never goes out
Tirem-me daqui
Tralapraki
Transcendente
Tribuna
31 da armada
Tristeza sob investigação
Triunfo da razão
Trova do vento que passa

Último reduto
Um por todos todos por um

Vale a pena lutar
Vasco campilho
Velocidade de cruzeiro
Viagens no meu sofá
Vida das coisas
Vento sueste
Voz do deserto

Welcome to elsinore

Xatoo

Zarp blog

PARTIDOS DOS ALUNOS

Ao sul
As cobaias
Fados e companhia
O cheiro de santarém pela manhã
Platonismo político
Projecto comunicar

PARTIDOS DE ABRANTES

Abranteimas
Rua da sardinha
Torre de menagem

PARTIDOS DO ALGARVE

Mons cicus
Olhão livre
Tavira tem futuro
The best of lagos

PARTIDOS DE AVEIRO

A ilusão da visão
Academia de aveiro
Actas diárias
Amor e ócio
Arestália
Aveiro sempre
Bancada directa
Bancada norte
Blog de sergio loureiro
Botanabateira
Código da vivencia
Cogir
Debaixo dos arcos
Desporto aveiro
Divas e contrabaixos
Estados gerais
Forum azeméis
Já agora
Margem esquerda
Neo-liberalismo
Nós e os outros
Notas de aveiro
Notícias da aldeia
Noticias de ovar
Painéis de aveiro
Pontos soltos
Portal do beira-mar
4linhas
Quotidiano da miséria
7 meses
The sarcastic way
Visto de fora
Vouga

PARTIDOS DE OEIRAS

À rédea solta
Escrever sobre porto salvo
Eu sou o poli­ticopata
Oeiras local
Rememorar oeiras

PARTIDOS DE TOMAR

Alcatruzes da roda
Algures aqui
À descoberta de tomar
Charneca da peralva
Nabantia
Olalhas
Os cavaleiros guardiões de sta. maria do olival
Sondagem tomar
Tomar
Thomar vrbe
Tomar, a cidade
Tomar a dianteira
Vamos por aqui

PARTIDOS DE VILA VIÇOSA

A interpretação do tempo
Infocalipo
O restaurador da independencia
Tasca real

PARTIDOS POÉTICOS

Arrimar
Corte na aldeia
Forja de palavras
Linha de cabotagem (III)
Nimbypolis
O melhor amigo
Ofí­cio diário
Orgasmos dos sentidos

PARTIDOS DAS ÁGUIAS

A águia
A ilíada benfiquista
A mística benfiquista
Amo-te, benfica
Anti-anti-benfica
Benfiquistas desde pequeninos
Calcio rosso
Chama imensa
Diário de um adepto benfiquista
E isso me envaidece
E pluribus unum
Encarnados
Encarnado oriental
Encarnado e branco
Eterno benfica
Football dependent
Gloriosa fúria vermelha
Glorioso jornal
Gordo vai à baliza
Javardos benfiquistas
loucos pelo slb
Mágico slb
Mar vermelho
Memória gloriosa
Não se mencione o excremento
Novo benfica
O antitripa
O inferno da luz
O grémio benfiquista
Os nossos queridos jornalistas desportivos
País de corruptos
Quero a verdade
Ser benfiquista
Slbenfica - forever champions
Slblog
Tertúlia benfiquista
Um zero (1-0) basta
Vermelhovzky
Vedeta da bola
Vedeta ou marreta?
Velho estilo ultras
Vermelho à moda do porto

PARTIDOS DA BOLA

Cromo dos cromos

PARTIDOS DO DIREITO

Ab surdus
Assembleia de comarca
Blog de informação
Blog do dip
Cartilha jurídica
Cum grano salis
Direito na sociedade da informação
Dizpositivo
Elsa
Incursões
Iuris
Leituras oficiosas
Legalidade
Lex turistica nova
Mens agit molem
Notas constitucionais
O meu monte
Patologia social
Piti blawg
Ré em causa própria
Reforma da justiça
Rumo do direito
Santerna
Suo tempore
Trepalium
Urbaniuris
Vexata quaestio

PARTIDOS DA VIDA

Açores pelo não
Alentejo pelo não
(Des)conversas em família
Direito a viver
Évora pelo não
Fiat lux
Impensável
Jornal da família
Nebulado
Pela vida
Pelo não
Quero viver
Razões do não
Sinto a vida
Sou a favor da vida

PARTIDOS DA ARGENTINA

El opinador compulsivo

PARTIDOS DO BRASIL

Ação humana
Cronicas do joel
Depósito do maia

PARTIDOS DE ITÁLIA

Importanza dele parole

PARTIDOS DOS LIVROS

Blog do espaço de memória e do pátio das letras
D'outro tempo
Lerblog
Mundo pessoa

PARTIDOS DAS REVISTAS

Alameda digital
Leonardo, revista de filosofia portuguesa

PARTIDOS DA TAUROMAQUIA

Lides alentejanas
Toiradas

PARTIDOS DOS BLOGUES

aniversários de blogues
Blog do dia dn
Blogpatrol
Blogpulse
Blogsearch
Blogservatório
Blogs em lí­ngua portuguesa
Moblig
Orochi's blog
Sapo blogs
Technorati
Weblog

PARTIDOS DA POLÍTICA

Bloco de esquerda
Centro democrático social
Os verdes
Partido comunista português
Nova democracia
Partido social-democrata
Partido socialista


PARTIDOS DOS JOGOS OLÍMPICOS

Atenas 2004
Pequim 2008
Comité olí­mpico internacional
Comité olí­mpico de portugal

PARTIDOS DOS JORNALISTAS

a capital
Jornal do diabo
O comércio do porto



TAMBÉM JÁ ESTIVE AQUI
Blogue do não
Câmara de comuns
Eleições 2009
Nova vaga
Novo Rumo
O carmo e a trindade
O eleito
Olissipo
Ota não
Portal lisboa
RCP ONLINE
Semanário
Sportugal
Tomarpartido
ARQUIVOS

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

subscrever feeds
tags

efemérides(867)

borda d'água(850)

blogues(777)

josé sócrates(537)

ps(339)

psd(221)

cavaco silva(199)

pessoal(182)

justiça(180)

educação(150)

comunicação social(139)

política(137)

cds(126)

crise(121)

desporto(120)

cml(116)

futebol(111)

homónimos(110)

benfica(109)

governo(106)

união europeia(105)

corrupção(96)

freeport de alcochete(96)

pcp(93)

legislativas 2009(77)

direito(71)

nova democracia(70)

economia(68)

estado(66)

portugal(66)

livros(62)

aborto(60)

aveiro(60)

ota(59)

impostos(58)

bancos(55)

luís filipe menezes(55)

referendo europeu(54)

bloco de esquerda(51)

madeira(51)

manuela ferreira leite(51)

assembleia da república(50)

tomar(49)

ministério público(48)

europeias 2009(47)

autárquicas 2009(45)

pessoas(45)

tabaco(44)

paulo portas(43)

sindicatos(41)

despesa pública(40)

criminalidade(38)

eua(38)

santana lopes(38)

debate mensal(37)

lisboa(35)

tvnet(35)

farc(33)

mário lino(33)

teixeira dos santos(33)

financiamento partidário(32)

manuel monteiro(32)

marques mendes(30)

polícias(30)

bloco central(29)

partidos políticos(29)

alberto joão jardim(28)

autarquias(28)

orçamento do estado(28)

vital moreira(28)

sociedade(27)

terrorismo(27)

antónio costa(26)

universidade independente(26)

durão barroso(25)

homossexuais(25)

inquéritos parlamentares(25)

irlanda(25)

esquerda(24)

f. c. porto(24)

manuel alegre(24)

carmona rodrigues(23)

desemprego(23)

direita(23)

elites de portugal(23)

natal(23)

referendo(23)

apito dourado(22)

recordar é viver(22)

banco de portugal(21)

combustíveis(21)

música(21)

pinto monteiro(21)

bcp(20)

constituição(20)

liberdade(20)

saúde(19)

augusto santos silva(18)

cia(18)

luís amado(18)

todas as tags