Terça-feira, 31 de Março de 2009

Este peitadas mal criado foi eleito o melhor jogador da Carlsberg Cup, vulgo Taça da Liga. Atenção, pessoal: não vai mais cerveja para aquela mesa...

(via Blasfémias)


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 11:50 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Magistrados que se queixam de pressões no caso Freeport. Escritórios de advogados assaltados. Portugal, além de um país estragado, está transformado num lugar perigoso.



publicado por Jorge Ferreira às 11:34 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Terminaria hoje o prazo dado por Nascimento Rodrigues ao Governo para que resolvesse o impasse da nomeação de um novo provedor. Mas Nascimento Rodrigues não se pode demitir, de acordo com o estatuto do provedor que o obriga a ficar em funções até à nomeação do sucessor. Agora está de baixa, com um vírus que lhe provoca febre, conta hoje o “Jornal de Notícias”. O verdadeiro vírus é o bloco central que bloqueia a vida institucional quando lhe convém e se entende no essencial quando lhe interessa. O bloco central boqueia o país.



publicado por Jorge Ferreira às 11:22 | link do post | comentar | ver comentários (3)

Em 1371, era assinado o Tratado de Alcoutim, que pôs termo à luta entre os reis Fernando de Portugal e Henrique II de Castela. Em 1621, morria Filipe III de Espanha. Em 1821, era extinto o Tribunal da Inquisição, no âmbito da Revolução Liberal. Em 1889, era inaugurada, em Paris, a Torre Eiffel. Em 1914, era criada a União Portuguesa de Futebol, actual Federação. Em 1936, o Reino Unido e a França comprometiam-se a apoiar a Polónia em caso de invasão da Alemanha nazi. Em 1948, o Congresso norte-americano aprovava o Plano Marshall de ajuda à Europa, depois da II Guerra Mundial. Em 1953, o diplomata sueco Dag Hammarskjold era eleito secretário-geral da ONU. Em 1964, um movimento militar derrubava o presidente brasileiro João Goulart, eleito em 1961. Era substituído pelo general Humberto Castelo Branco. Em 1979, os países árabes anunciavam, em Bagdad, o corte dos laços de amizade com o Egipto, por não concordarem com o tratado de paz com Israel. Em 1986, longas filas de pessoas, às portas das discotecas moscovitas, assinalavam a primeira venda oficial de dois discos dos Beatles, na URSS. Em 1988, morria o coronel Carlos Vilhena, com 99 anos, combatente da Rotunda, pela República, em 10 de Outubro de 1910. Em 1991, eleições na Albânia davam a vitória aos comunistas, que asseguram dois terços dos deputados, mas sem conseguirem eleger Ramiz Alia, em Tirana, a capital. Em 1992, o rei de Espanha e o presidente de Israel assinavam, em Madrid, a anulação do édito da expulsão dos judeus de Espanha, promulgado 500 anos antes, a 31 de Março de 1492, pela rainha Isabel a Católica. Em 1996, Marcelo Rebelo de Sousa era eleito presidente do PSD, no XVIII Congresso do partido. Em 1997, Rui Carlos Pereira era o novo director do SIS. Em 2000, morria João Macedo Silva, aos 65 anos, presidente do Grupo RAR. Em 2005, o subsecretário de Defesa norte-americano Paul Wolfowitz era confirmado presidente do Banco Mundial pelos administradores da instituição. No mesmo dia, morria a norte-americana Terri Schiavo, depois de 15 anos em coma e 12 dias sem alimentação artificial.Em 2008, a oposição zimbabueana anunciava que ganhou as eleições gerais e que o seu candidato à presidência Morgan Tsvangirai obteve duas vezes mais votos que o Presidente Robert Mugabe, com base na sua própria contagem parcial. A chama dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 chegava à praça Tiananmen, o centro simbólico e político da capital chinesa, de onde partiu, entre cerca de cinco mil convidados, para iniciar o maior percurso da história olímpica.

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 11:15 | link do post | comentar

Hoje é Terça-feira, 31 de Março, nonagésimo dia do ano. Hoje assinala-se o Dia Nacional do Doente com Acidente Vascular Cerebral. Faltam 275 dias para o final de 2009. A Lua está na Fase Crescente. É Quarto Crescente, dia 02 de Abril, às 15:34. O Sol nasce às 07:23 e o ocaso regista-se às 19:59. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 07:09 e 19:28, a baixa-mar às 00.32 e 12:49. Carneiro é o signo dos nascidos nesta data, destacando-se o filósofo francês René Descartes (1596), o actor português Eugénio Salvador (1908), o escritor mexicano Octávio Paz (1914), o cineasta alemão Volker Schlondorff (1939), o antigo vice-presidente dos EUA Al Gore (1948), a actriz norte-americana Rhea Perlman (1948), o actor britânico Ewan McGregor (1971).



publicado por Jorge Ferreira às 11:14 | link do post | comentar

Segunda-feira, 30 de Março de 2009

As afirmações que o ex-autarca modelo do PSD tem vindo a fazer no julgamento revelam uma trafulhice que é um espectáculo. É certo e sabido que um tão elevado espírito cumpridor só pode ter como prémio a irresponsabilidade da reeleição para novo mandato autárquico...



publicado por Jorge Ferreira às 17:22 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Em 1856, era assinado o Tratado de Paris que pôs termo à guerra da Crimeia. Em 1867, a Rússia aceitava vender o Alasca aos EUA por 7,2 milhões de dólares. Em 1922, Gago Coutinho e Sacadura Cabral partiam de Lisboa, no hidroavião Lusitânia, para a primeira travessia aérea do Atlântico Sul.  Em 1985, realizava-se, nos estúdios da RTP, em Lisboa, o primeiro sorteio do Totoloto. Em 1986, morria o actor norte-americano James Cagney, de 86 anos. Em 1987, a utilização da Bandeira Nacional portuguesa era regulamentada por Decreto-lei. Em 1988, morria o antigo primeiro-ministro francês Edgar Faure, de 79 anos. Em 1991, a Assembleia do Povo de Angola aprovava a Constituição que previa o multipartidarismo. Em 2002, morria Isabel Bowes-Lyon de Inglaterra, viúva de Jorge VI, mãe de Isabel II. Em 2003, era inaugurada a Ponte do Infante, ligação entre o Porto e Vila Nova de Gaia. Em 2004, na Guiné-Bissau, completavam-se as eleições legislativas. Em 2006, o Parlamento aprovava a Lei da Paridade que impõe quotas de um terço de mulheres, nas listas eleitorais. E era apresentado o PRACE - Programa de Reestruturação da Administração Central do Estado, que prevê a extinção de 185 organismos. Em 2007, o ex-presidente do Benfica João Vale e Azevedo era condenado a cinco anos de prisão no âmbito do caso Ribafria. Morria Franco Panini, com 76 anos, empresário italiano, fundador da editora Panini.

(James Cagney)



publicado por Jorge Ferreira às 11:41 | link do post | comentar

Hoje é Segunda-feira, 30 de Março, octagésimo nono dia do ano. Faltam 276 dias para o final de 2009. O dia é dedicado a S. João Clímaco, abade, e ao Beato Amadeu de Sabóia, Duque. A Lua encontra-se na Fase Crescente. É Quarto Crescente, dia 02 de Abril, às 15:34.

O Sol nasce às 07:25 e o ocaso regista-se às 19:58. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 06:56 e 18:44, a baixa-mar às 12:08. Carneiro é o signo dos nascidos nesta data, destacando-se o infante D. Duarte, irmão de D. João IV (1605), o pintor espanhol Francisco de Goya (1746), o poeta francês Paul Verlaine (1844) e o pintor holandês Van Gogh (1853).



publicado por Jorge Ferreira às 11:37 | link do post | comentar

Domingo, 29 de Março de 2009

Paulo Portas, manifestou hoje o desejo de que "a Justiça vá a fundo e seja célere" no caso Freeport, ao mesmo tempo que pediu que "os políticos não se aproveitem nem interfiram". Ora bem: exactamente o mesmo poderíamos todos dizer das investigações criminais em curso sobre o CDS e sobre o mesmíssimo Portas.
 



publicado por Jorge Ferreira às 19:21 | link do post | comentar | ver comentários (2)

"Afinal, o que importa apurar neste "diz-tu-direi-eu" é a verdade do sr. Smith. "Não injuriei porque disse a verdade" ou "não injuriei porque nunca disse aquilo"?"
 

João Gonçalves, no Blogue de Direita.



publicado por Jorge Ferreira às 16:30 | link do post | comentar

Vieira da Silva inaugurou ontem uma creche em Tomar. Resta saber se como governante, se como chefe das campanhas eleitorais do PS. A partir de agora subsistirá sempre a dúvida de cada vez que Vieira da Silva actuar. É o estado máximo de confusão entre o partido e o Estado a que o PS nos conduziu.



publicado por Jorge Ferreira às 15:02 | link do post | comentar

Em 1797, era assassinado Gustavo III da Suécia. Em 1809, o marechal Soult entrava na cidade do Porto à frente do exército de Napoleão. Em 1830, era criada a Escola de Medicina Veterinária portuguesa. Em 1962, na Argentina, um golpe militar derrubava o presidente Arturo Frondizi. Em 1971, Charles Mason e três membros do seu grupo, eram condenados à morte nos EUA pelo assassínio da actriz Sharon Tate. Em 1973, as últimas tropas norte-americanas abandonavam o Vietname do Sul, pondo fim à intervenção militar dos EUA. Em 1981, o general Roberto Viola assumia a presidência da Argentina, sucedendo ao general Videla. Em 1985, às 01:20 de Lisboa, Portugal chegava a acordo, em Bruxelas, para a adesão à CEE. A delegação portuguesa, para as rondas de negociações, era dirigida pelo ministro português das Finanças, Ernâni Lopes. Em 1990, morria Alain Oulman, 61 anos, compositor. Em 1992, morria Martinho da Assunção, de 78 anos, intérprete de viola portuguesa. Em 1994, começava em Milão o julgamento de Bettino Craxi, ex-líder do Partido Socialista italiano e um dos homens que durante mais tempo governou Itália, acusado de corrupção e financiamento ilegal de partidos. Em 1996, iniciava-se o XVIII congresso do PSD. Em 1998, era inaugurada a ponte Vasco da Gama, sobre o rio Tejo, em Lisboa. Em 2007, era aprovada a reclassificação do Palácio de Belém, sede da Presidência da República, e de todo o seu conjunto intramuros como monumento nacional. Em 2008, o presidente cubano, Raúl Castro, que continua a apostar em reformas na ilha, permitia, através de um anúncio feito pela empresa telefónica estatal, a posse de telemóveis, a título pessoal, pelos cubanos. Da Austrália aos Estados Unidos, edifícios públicos ou particulares e locais centrais de 35 cidades apagavam as luzes, às 20:00 locais, aderindo à iniciativa "Earth Hour", que pretende alertar para as alterações climáticas.

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 13:11 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Hoje é Domingo, 29 de Março, octogésimo oitavo dia do ano. Faltam 277 dias para o final de 2009. O dia é dedicado a Stº Eustásio, abade, e à Beata Paula Gambarra, viúva. A Lua encontra-se na Fase Crescente. É Quarto Crescente dia 02 de Abril, às 15:34. O Sol nasce às 07:26 e o ocaso regista-se às 19:57. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 05:47 e 18:05, a baixa-mar às 11:31 e 23:50. Carneiro é o signo dos nascidos nesta data destacando-se o regente de orquestra britânico Thomas Beecham (1879), o compositor, pianista de jazz e chefe de orquestra norte-americano Duke Ellington (1899), o tenor Leslie Howard (1948).



publicado por Jorge Ferreira às 13:01 | link do post | comentar

Sábado, 28 de Março de 2009

O golo, essa tremenda dificuldade, é que define as equipas e os resultados. Do resto, não reza a história. Portugal precisa de um treinador. E de um avançado. Nuno Gomes, saberão na sede da FPF de quem se trata? Ah, desculpem, sim, da próxima talvez tentar com dez centrais em vez de quatro... Já Cristiano Ronaldo continua sem resolver na selecção quando é preciso. Uma espécie de Pauleta em melhorzinho.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 22:46 | link do post | comentar

O Governo está já tratar de trabalhar os números finais do Relatório de Segurança Interna de 2009, a apresentar em 2010. Destes 350 quantos ficaram efectivamente detidos? E não serão 70% devido a condução sem carta e com excesso de álcool? Quantos detidos estão relacionados com criminalidade violenta?



publicado por Jorge Ferreira às 17:22 | link do post | comentar

Do que incomodar uma plateia com falta de pontualidade.



publicado por Jorge Ferreira às 09:38 | link do post | comentar

Em 1507, a cidade italiana de Génova capitulava perante as forças do rei Luís XII de França. Em 1854, a Inglaterra declarava guerra à Rússia. Em 1939, terminava a guerra civil de Espanha com a rendição das tropas republicanas ao general Francisco Franco. Em 1943, morria o compositor russo Sergei Rachmaninov. Em 1957, o arcebispo Makarios de Chipre era posto em liberdade pelos britânicos mas proibido de voltar à região, onde prosseguia a luta pela independência. Em 1967, Paulo VI publicava a encíclica "Populorum Progressio". Em 1977, Portugal pedia, em Bruxelas, a adesão à CEE. Em 1987, a aprovação da moção de censura do PRD ao primeiro Governo PSD de Cavaco Silva, conduzia a eleições antecipadas. Em 1988, havia greve geral em Portugal, um êxito, para as centrais sindicais, uma manifestação "parcialíssima", para o Governo. Em 1989, morria o filólogo e escritor português Manuel Rodrigues Lapa, de 91 anos. Em 1993, Giulio Andreotti, dirigente da Democracia Cristã italiana e sete vezes primeiro-ministro, era acusado de ligações à máfia. Em 1994, a coligação de direita Força Itália, liderada por Silvio Berlusconi, vencia as legislativas italianas. Na mesma data, em Paris, morria o dramaturgo francês de origem romena Eugéne Ionesco, 81 anos, autor de "A Cantora Careca". Em 2000, os restos mortais de João XXI ou Pedro Hispano (n.1205), o único Papa português, eram trasladados para a nave central da Catedral de Viterbo, em Itália. Em 2002, o PSD e o CDS-PP assinavam o acordo para a formação de um governo de coligação. Na mesma data, morria o cineasta norte-americano Billy Wilder, vencedor de seis Óscares, realizador de "Sunset Boulevard" e "Some Like it Hot". Em 2003, a Procuradoria-Geral da República dava "luz verde" ao processo de extradição para a Índia de Abu Salem Ansari, alegado terrorista detido em Lisboa em Setembro de 2002. Em 2004, o actor britânico Peter Ustinov, antigo embaixador da UNICEF, morria aos 82 anos. Em 2006, o Estado era condenado a pagar dois milhões de euros de indemnizações a 44 jovens da Casa Pia, vítimas de abusos sexuais. O Partido Kadima, fundado pelo antigo primeiro-ministro israelita Ariel Sharon, vencia as eleições legislativas. E morria Caspar Weinberger, com 88 anos, antigo secretário da Defesa do presidente norte-americano Ronald Reagan, envolvido no escândalo Irão-Contras. Em 2007, Maria José Nogueira Pinto anunciava a saída do CDS-PP e renunciava ao mandato de vereadora na CML. Era inaugurada em Serpa, distrito de Beja, a maior central solar do mundo.

(Rachmaninov)



publicado por Jorge Ferreira às 09:15 | link do post | comentar

Hoje é Sábado, 28 de Março, octogésimo sétimo dia do ano, Dia Nacional dos Centros Históricos. Faltam 278 dias para o final de 2009. O dia é dia dedicado ao Beato Venturino, religioso, e a S. Sisto, papa. A Lua encontra-se na Fase Crescente. O Sol  nasce às 06:28 e o ocaso regista-se às 18:56. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 04:11 e 16:28, a baixa-mar às 09:56 e 22:13. Carneiro é o signo dos nascidos nesta data, destacando-se, entre eles, o pintor renascentista Rafael (1483), o historiador português Alexandre Herculano (1810), o actor norte-americano Alfred Lunt (1893) e o estadista francês Aristide Briand (1862). 



publicado por Jorge Ferreira às 09:14 | link do post | comentar

Sexta-feira, 27 de Março de 2009

Esta entrada tem uma numeração cabalística. Própria de campanhas obscuras, negríssimas mesmo, do género galinhas pretas de pescoço partido na serra de Sintra, cabalas, conspirações e conspiratas. Charles Smith, sócio da consultora Smith & Pedro, contratada para tratar do licenciamento do Freeport de Alcochete, diz claramente, num DVD que está na posse da polícia inglesa e que foi hoje divulgado pela TVI, que José Sócrates “é corrupto” e que terá recebido, por intermédio de um primo, dinheiro para dar luz-verde ao projecto do “outlet”. No mesmo dia em que Marinho Pinto falou de cabalas. Quem terá sido o agente da PJ que terá imitado a voz de Smith no dvd? Onde fica a oficina de reprodução de dvd's piratas? E por que razão transcendentalmente obscura só agora sai esta notícia, justamente no dia em que José Sócrates falhou outra promessa, qual seja a do défice de 2008? A resposta só pode ser uma: má vontade contra o homem...



publicado por Jorge Ferreira às 21:09 | link do post | comentar

Os tempos não estão para histórias nem para História. A crise do crédito que, em catarata se abateu sobre o mundo inteiro, puxa irresistivelmente a atenção de todos para as consequências da crise. Um pouco por todo o lado descobrem-se bancos falsos, fraudes financeiras de milhões, empresas a falir, desempregados a aumentar vertiginosamente, pobreza a alastrar. Especialmente em Portugal acresce um aumento preocupante da criminalidade, o recrudescimento das velhas suspeitas de corrupção à volta dos poderes, e um sem número de preocupações, nas quais, no meu caso, não entra, definitivamente, o penalty de Lucílio.

 

Aparentemente, pois, este será um texto deslocado no tempo e no espaço. Permito-me, desde já e antecipadamente, discordar. Creio que é nos momentos mais difíceis que os povos necessitam de reencontrar forças e energias no seu passado, na sua história, na sua identidade, como fonte de confiança para superar as dificuldades e olhar com mais serenidade o presente e o futuro.

 

Arrisco, por isso falar de duas histórias. Ou melhor de História, com agá grande.

 

A primeira história é esta: no próximo dia 26 de Abril de 2009 D. Nuno Álvares Pereira será canonizado. Esclareço que não sou nem especialista, nem militante da causa e dos ritos religiosos. Mas não confundo opções individuais com características do povo português e com traços essenciais da identidade e da cultura portuguesas. D. Nuno Álvares Pereira, além de herói da nossa história, passará a ser um herói e um exemplo da Igreja.

 

Sinceramente temo que este acontecimento, porque o é, indubitavelmente, passe ao lado da nossa tão bizarra agenda mediática e social. Em Portugal e em Tomar. E, todavia, penso que nem o país nem a cidade deveriam deixar passar esta oportunidade para realçar o significado do acto, o papel de D. Nuno na constituição da portugalidade que hoje somos e o exemplo pessoal de figura da História que venceu dificuldades e obstáculos, que foi portador de uma convicção nacional, hoje tão rara de encontrar nestes tempos desvairados em que tudo vale.

 

Até agora, não registei notícia de qualquer actividade, salvo referências de monárquicos (também não sou) e de membros da Igreja. Sucede que a Nação a que hoje gostamos de apelar deve a sua sobrevivência a muitos homens que, como D. Nuno Álvares Pereira se sacrificaram por ela. “Sacrificaram” vem de sacrifício, vocábulo entretanto caído em desuso de todas as áreas da vida comunitária. A noção de sacrifício para progredir, para trabalhar, para estudar, para lograr riqueza, é absolutamente estranha ao modo de vida moderno, em que se confia apenas na facilidade para ter tudo. Na facilidade de um sorteio, na facilidade de ser seleccionado para um big brother, na facilidade de encontrar professores que “dêem” notas independentemente do merecimento e dos conhecimentos que se mostrem ter. Mas, se na economia não existem almoços grátis, também na História não existem países grátis. Eles hão-de necessariamente ser o produto de muitas vontades, de muitos esforços e, inevitavelmente, de muitos sacrifícios.

 

Não duvido que qualquer país no nosso lugar faria da canonização de D. Nuno Álvares Pereira um acontecimento mediático de projecção mundial. Mesmo em plena crise e, se calhar, justamente por causa dela. Para aumentar a auto-estima colectiva e, pragmaticamente, para vender mundialmente o seu país e o seu produto histórico. Como nos disseram que aconteceu com o Euro 2004… Por cá, temo que nos fiquemos por uma coroa de flores na estátua que jaz junto ao mosteiro da Batalha, uns artiguitos de opinião sem dificuldade muito mais eruditos que este e uns posts nuns blogues mais desalinhados do main stream.

 

Tomar devia colocar-se, neste particular, no centro das atenções. Os poderes públicos e privados deviam celebrar a canonização de D. Nuno Álvares Pereira. Chamo a atenção, entretanto, para o facto de em 2008 se ter reatado uma tradição que parecia ter caído no esquecimento. Pela primeira vez em 35 anos foi celebrada missa campal por ocasião do 10 de Agosto junto à capela de S. Lourenço.

 

O Conselho Pastoral, dinamizado pelo sargento António Vasconcelos, em colaboração com o Regimento de Infantaria 15, de Tomar, decidiu voltar a assinalar o martírio de S. Lourenço e a junção dos exércitos de D. Nuno Álvares Pereira e do Mestre de Avis, antes de seguirem para a batalha de Aljubarrota. Ora, eis uma ligação de Tomar à gesta de D. Nuno Álvares Pereira que justifica acção e comemoração.

 

Já que não sou autarca, mas um simples cidadão anacronicamente interessado pelas pequenas coisas do meu país, gostaria de saber se a Câmara Municipal, a Junta de Freguesia de Sta. Maria dos Olivais, ou instituições privadas do concelho estão a pensar realizar alguma iniciativa relacionada com este acontecimento.

 

A segunda história é esta: em 2010, faz precisamente 850 anos que D. Gualdim Pais fundou a cidade de Tomar. Tudo o que fica dito sobre D. Nuno Álvares Pereira vale para este importantíssimo aniversário. Bem sei que os Templários, a Ordem de Cristo (essa malandragem que legou a Tomar pesada factura de atraso que ainda hoje se paga a prestações, assim como à Bragaparques…) e em geral o património e o seu profundo significado nesta terra, não está propriamente nas boas graças nem nas prioridades dos actuais responsáveis autárquicos. Mas esses responsáveis têm de perceber, ou alguém explicar-lhes de forma veemente, que não passam de transitórios e efémeros representantes de uma comunidade que já existia antes deles nascerem e existirá seguramente depois deles deixarem de representar o povo. Cumpre-lhes apenas estar à altura dos cargos (inocência persistente a minha neste particular…).

 

Bem sei que este ano há eleições e quem manda e quem quer mandar dá mostras de não ser capaz de pensar em mais nada senão na eleição, no poder, no lugarzinho, no penachito, nas medidas anti-crise, nas rotundas e, dizem-me, no metro de superfície! Mas, azar de calendário, passa-se que 2009 é também o ano de pensar e de programar uma dignificante comemoração do 850º aniversário da fundação de Tomar.

 

Resta, então, repetir-me: já que não sou autarca, mas simples cidadão anacronicamente interessado pelas pequenas coisas do meu país, gostaria de saber se a Câmara Municipal, as Juntas de Freguesia, ou instituições privadas do concelho estão a pensar realizar alguma iniciativa relacionada com este acontecimento. E o que dizem disto, se é que dizem, os candidatos à Câmara?

 

Mas também digo: se fôr para fazer umas coisitas rascas e pindéricas, como frequentemente acontece, de envergonhar qualquer um, mais vale estarem quietos. Não me apetece mesmo observar o comportamento habitual no nosso país quando se trata de comemorar os valores nacionais e os símbolos que ao longo dos tempos os vão ilustrando por obra humana. E não, não falo de dinheiro. Falo de dignidade nacional. Falo de poder nacional que os símbolos traduzem. Um povo que abdica desses valores, desses símbolos e de continuamente os projectar, local, nacional e internacionalmente, abdica de uma parcela estrutural do seu poder nacional, o mesmo é dizer, da justificação da sua independência enquanto Estado. Dirão alguns: e daí? E daí eu respondo: ide para alcaides de Ayuntamientos, ide …

(publicado n' O Templário)

(D. Gualdim Pais)



publicado por Jorge Ferreira às 18:40 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Alfredo Farinha, antigo jornalista de "A Bola", e um dos mais conhecidos e antigos jornalistas desportivos portugueses, morreu hoje aos 83 anos, noticiou A Bola. Alfredo Farinha era um jornalista da velha geração, que fez de A Bola o jornal onde durante anos a fio aprendi bom português lendo sobre desporto. Pessoa frontal e desassombrada, deixa um vazio. Um vazio mesmo.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 13:31 | link do post | comentar | ver comentários (1)

O INE anunciou hoje que o défice público durante o ano passado se situou em 2,6 por cento do PIB. Este valor fica acima dos 2,2 por cento que eram estimados pelo Governo para o ano passado e representa a manutenção do mesmo desequilíbrio nas contas que já tinha sido registado em 2007.  Afinal de contas o Governo sempre gasstou mais do que devia. Afinal de contas a despesa pública sempre aumentou como muitos avisaram e o Governo sempre desmentiu. Afinal de contas o Governo não é aquele mito de "pôr as contas em ordem". Afinal de contas, ainda antes da crise rebentar em todo o seu esplendor, lá se foi o único trunfo do Governo. José Sócrates prometeu 2,2%. Foram 2,6%. Mais um capítulo da história de ficção que é a governação de Sócrates.



publicado por Jorge Ferreira às 13:21 | link do post | comentar

O Fumaças fez ontem seis anos! Está de parabéns o João Carvalho Fernandes, a quem, aliás, devo a iniciação nestas traquitanas dos blogues. Seis anos é obra, num mundo tão volátil como é o mundo dos blogues. Que não lhe faleça a preserverança e que venham pelo menos mais seis.



publicado por Jorge Ferreira às 10:43 | link do post | comentar | ver comentários (1)

A crise financeira internacional foi criada por “gente branca e de olhos azuis”, acusou ontem o Presidente brasileiro, Lula da Silva. Ao lado do primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, de visita a Brasília, Lula afirmou: “Não conheço nenhum banqueiro negro ou índio”, cita o jornal “Estado de São Paulo”. Ora aí está um racista de se lhe tirar o chapéu... Imaginem que tinha sido o Papa, um presidente americano ou um líder europeu ou até Le Pen a fazer uma afirmação destas, simetricamente, está claro, não faltaria. Aguardo com expectativa as reacções indignadas das esquerdas politicamente correctas e fracturantes sobre este dislate. Ignora-se se esta afirmação foi proferida depois de algum almoço ou jantar bem regado...
 


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 10:04 | link do post | comentar

O Bastonário da Ordem dos Advogados afirma que a carta anónima que deu origem à investigação do caso Freeport foi combinada entre o autor e alguns elementos da Polícia Judiciária. Ora aí está uma vocação errada. O Bastonário devia abraçar a carreira de investigação. Das investigações de oportunidade...



publicado por Jorge Ferreira às 09:52 | link do post | comentar

Um pároco assumidamente sportinguista de Lisboa informou os paroquianos que não faz baptizados às crianças a que os respectivos pais decidirem pôr o nome de Lucílio. Lucílio, esclareça-se, desde já, é um péssimo árbitro de futebol que marcou um penalty inexistente numa competição de futebol sem importância nem interesse competitivo. Entretanto, esse mesmo péssimo árbitro de futebol foi ameaçado de morte e não quer aparecer em público, com medo legítimo.

 

O mesmo péssimo árbitro de futebol diz-se e desdiz-se sobre factos que o país inteiro viu através da televisão, menos ele. Omite factos de indisciplina em campo no seu relatório, onde foi acusado de roubar através de gestos por um treinador de futebol e não viu, onde levou um encontrão de peito de um jogador de futebol e não se lembra.

 

Na semana anterior, dirigentes e treinador, por acaso do mesmo clube, foram ameaçados de morte porque perderam dois jogos com o campeão de futebol da Alemanha, um por cinco golos e outro por sete golos.

 

Na sequencia de uma reunião da Liga de Futebol, um seu dirigente foi agredido à saída da reunião, e aqui, nem me dei ao trabalho de saber por quem e por que razão.

 

Esclareço que adoro futebol desde pequenino e que sou adepto ferrenho do Benfica, clube que tem sido, como muitos outros, prejudicado abundantemente por arbitragens em vários jogos e nunca deitou medalhas fora, os seus jogadores nunca deram empurrões aos árbitros com o peito e se habituou a continuar a sua vida depois dos prejuízos. Enfim, feitios…

 

Como se sabe, não vale a pena recorrer aos tribunais nesta matéria porque nunca há testemunhas e quando há, têm sempre profissões ou exerceram actividades que no entender dos Senhores Juízes retiram credibilidade aos testemunhos.

 

Acresce que se joga recorrentemente mau futebol nos relvados e por norma, os espectáculos são maus e excessivamente caros para os preços dos bilhetes. Daí que, progressivamente, sem que o meu fervor clubístico tenha diminuído, diminuiu substancialmente o meu interesse pelo futebol.

 

O que é mais grave do que essa opção individual é que o que se passou esta semana em Portugal, mostra que vivemos num país alucinado, em que o futebol já chegou ao ponto de induzir delinquência. O futebol deixou de ser um desporto profissional e passou a item do relatório de segurança interna. Para além do pormenor de que, evidentemente, existem muito mais assuntos a merecer a atenção e as energias do país do que o episódio Lucílio Baptista.

 

Os poderes públicos do futebol, por seu lado, nos quais o Estado delega poderes públicos, são de uma indigência confrangedora. Ainda no futebol, por que raio seria diferente o futebol do resto da sociedade e dos poderes?..., é flagrante a diferença da sua actuação relativamente ao que acontece nos países europeus com que temos a mania de nos comparar. Quer a Federação Portuguesa de Futebol, quer a Liga de futebol agem quotidianamente como se nada se passasse no futebol.

 

Vivemos actualmente num país alucinado. E o futebol é apenas um exemplo de vários que o demonstra. Se migrarmos do futebol para a crescente violência nas escolas e na sociedade em geral, teríamos ainda mais que conversar. É triste. Não tarda, precisamos de entregar o poder a psicólogos e psiquiatras.

(publicado na edição de hoje do Semanário)

(Foto)

 



publicado por Jorge Ferreira às 09:49 | link do post | comentar

Um pouco por todo o país as autarquias locais vão aprovando medidas contra a crise. Para não fugir à regra também a Câmara de Aveiro aprovou, esta semana, catorze (podiam ser doze, treze, quinze…), medidas de apoio a instituições e famílias, congregadas num documento a que chamou de Plano de Respostas às Famílias e Pessoas em Conjuntura de Crise.

 

O plano inclui, para além do congelamento do aumento das rendas de habitação social, das tarifas relativas ao abastecimento de água, saneamento e resíduos sólidos urbanos, a promoção de habitação a custos controlados para jovens e o reforço das políticas de apoio às famílias, entre outras medidas.

 

De caminho, a Câmara autarquia decidiu enviar para as IPSS mais 28 mil euros, e decidiu ceder terrenos e apoio na elaboração de projectos de arquitectura. Os equipamentos de apoio social, património natural, cultural e urbanístico receberão estagiários em situação de desemprego prolongado e será criado um gabinete de apoio aos desempregados (para quê, se existem os centros de emprego?!...). A Câmara não esclarece, no entanto, porque é que a acção deste Gabinete de Inserção Profissional vai incidir apenas nas freguesias de Nossa Senhora de Fátima, Nariz, Requeixo e Eirol, deixando as restantes de fora…


Para além de congelar os aumentos das rendas e das tarifas de água, saneamento e resíduos sólidos urbanos, a autarquia decidiu também “não reflectir na factura do consumidor a Taxa de Recursos Hídricos que a Administração Regional Hídrica do Centro começou a facturar desde 1 de Julho de 2008, manter um tarifário com base em escalões de forma a não penalizar as famílias de menores recursos e manter um tarifário específico para as famílias numerosas”. Pelos vistos as taxas estão demasiado altas e podem e devem baixar, diminuindo, assim, a carga fiscal exagerada sobre os cidadãos e as empresas que todos dizem querer apoiar…


Outra das medidas, que já tinha sido anunciada antes da criação do plano e que, consequentemente, está abusivamente metida no plano anti-crise, tem a ver com a promoção de habitação para jovens, através de um protocolo de cooperação entre o município e empresas do ramo imobiliário (Como? Entregando dinheiro às empresas que constróiem?... Com que critérios?). Para os mais velhos será criado um cartão que irá assegurar um conjunto de regalias (quais?...) e possibilitar o encaminhamento para as IPSS que trabalham com a população sénior.


O plano anti-crise aprovado pela Câmara prevê também a criação de um Gabinete de Apoio ao Emigrante para prestar apoio nas áreas social, jurídica, económica, de emprego (outra vez…) e educação, que funcionará no Gabinete de Atendimento Integrado da Câmara, em articulação directa com a Direcção Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas. Deverá também ser posto em funcionamento um serviço de aconselhamento a famílias e pessoas em situação de sobre-endividamento.

 

Lê-se o rol e o espanto é inevitável. Percorrem-se os sítios das autarquias na Internet e as medidas parecem tiradas a papel químico umas das outras. Criação de gabinetes, isto é, mais burocracias, mais papéis, mais despesa corrente, muitas vezes em sobreposição com outros serviços da Administração Pública já existentes. Redução ou isenção de taxas municipais. E cabe perguntar: se é preciso uma crise deste tamanho todo para isto então é por que estas medidas são todas possíveis e deviam ter sido tomadas sem crise!

 

É evidente que o plano que a Câmara aprovou não passa, por enquanto, de um simples discurso escrito. Não está quantificado, não está calendarizado, não se sabe quanto vai custar, não se sabe quanto tempo durará, nem se sabe quando começará.

 

Enfim, ano de eleições…

(publicado na edição de hoje do Diário de Aveiro)

 


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 09:47 | link do post | comentar

Em 483 a.C., era inaugurado o Parthenon de Atenas. Em 1703, era fundada a cidade de São Petersburgo. Em 1939, Adolfo Hitler exigia que a Polónia entregasse a cidade de Danzig. Em 1945, o general norte-americano Dwight Eisenhower anunciava a derrota das forças alemãs na frente ocidental. Em 1958, Nikita Krutschev sucedia a Nikolai Bulganin como chefe de governo na URSS. Em 1968, morria o astronauta soviético Yuri Gargarine, o primeiro homem no espaço. Em 1979, na central nuclear norte-americana de Three Miles Island, verificava-se o mais grave acidente, até à falha no reactor de Chernobyl, em 1986. Em 1981, os trabalhadores polacos encetavam uma greve de quatro horas em protesto pelos ataques a membros do Solidariedade. Em 1985, morria a fadista Maria Albertina. Em 1987, o PRD entregava no Parlamento a moção de censura ao Governo PSD de Cavaco Silva. Em 2004, a polícia espanhola localizava, em Laganés, arredores de Madrid, a casa onde tinham sido planeados os atentados do dia 11. No mesmo dia, a selecção portuguesa de râguebi sagrava-se, pela primeira vez, campeã europeia da modalidade, com o triunfo sobre a Rússia por 19-18. Em 2005, morria Wilfred Gordon Bigelow, 91 anos, cardiologista canadiano responsável pelo desenvolvimento da técnica de hipotermia e pela criação do "pacemaker". Em 2006, eram apresentadas as medidas do Programa de Simplificação Administrativa e Legislativa Simplex, dois meses após a criação. Em 2007, era fundado o novo partido basco Abertzle Sozialistak Batasuna, considerado próximo do Batasuna (ilegalizado).

(Parthenon)



publicado por Jorge Ferreira às 09:42 | link do post | comentar

Hoje é Sexta-feira, 27 de Março, octogésimo sexto dia do ano. Hoje assinalam-se o Dia Mundial do Teatro e o Dia Nacional do Dador de Sangue. Faltam 279 dias para o final de 2009.  O dia é dedicado a S. João do Egipto, eremita, e ao Beato José Sebastião Pelczar, fundador da Congregação Franciscana das Servas do Sagrado Coração de Jesus. A Lua encontra-se na Fase Crescente. É Quarto Crescente dia 02 de Abril, às 15:34. O Sol nasce às 06:29 e o ocaso regista-se às 18:55. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 03:35 e 15:53, a baixa-mar às 09:23 e 21:37. Carneiro é o signo dos nascidos nesta data, destacando-se o físico alemão Wilhelm von Roentgen (1845), responsável pela descoberta dos Raios X, o engenheiro britânico Frederick Royce, "pai" dos motores Rolls Royce (1863) e a actriz norte-americana Gloria Swanson (1898).



publicado por Jorge Ferreira às 09:41 | link do post | comentar

Quinta-feira, 26 de Março de 2009

Pois mexe. Aliás, o ano é propício. Três eleições, por muito que tudo ou quase vá ficar na mesma, mesmo que mudem umas caras, é tentação irresistível. Acabou de abrir as hostilidades o Blogue de Direita, animado no sítio da revista Sábado pelo Rui Tabarra e Castro, que assim se mete noutro 31, pelo João Gonçalves, pelo João Vacas, pelo João Miranda, isto que eu tenha apanhado... Vai já para a coluninha que, por meríssimo acaso, aqui na casa, está à esquerda. E, garanto-vos, isto não vai ficar por aqui.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 19:07 | link do post | comentar | ver comentários (1)

"Em tudo o mais a falta do mais elementar senso comum domina: não podia faltar a consagração legal da possibilidade de "visitas íntimas para homossexuais". Calculo que tenha tanto sucesso como a ideia peregrina das salas de chuto: ninguém aderiu. Os presos têm mais bom senso do que os legisladores: nenhum quis passar à condição de toxicodependente "oficialmente reconhecido e protegido", como muito provavelmente ninguém quererá passar a assumir na cadeia o estatuto de maricas legalizado."
Manuel Azinhal, n' O Sexo dos Anjos.



publicado por Jorge Ferreira às 18:59 | link do post | comentar

Manuel Monteiro afirmou que os casos de suposta corrupção envolvendo lideres partidários ficam anos nos tribunais sem que ninguém seja acusado, acentuando que "tal acontece com o caso Freeport, o dos submarinos, e os de presidentes da Câmara contra os quais nunca se produz prova". Acrescentou que "não há desenvolvimento com corrupção e não há igualdade de oportunidades para os cidadãos e para as empresas, quando as decisões públicas são tomadas em função dos benefícios auferidos pelos decisores". Manuel Monteiro aproveitou para divulgar uma carta aberta a Mesquita Machado, na qual lhe solicita que divulgue as suas declarações de IRS, entregues nas Finanças, desde 2001. Na ocasião, contestou a actual lei que regula os mandatos autárquicos, dizendo que limitam a três os dos presidentes de Câmara, mas permitem que os vereadores fiquem 40 anos em pelouros como os do urbanismo ou das finanças.

Fonte: Lusa.



publicado por Jorge Ferreira às 17:19 | link do post | comentar

Manuel Monteiro, que se vai candidatar a deputado pelo distrito de Braga nas próximas eleições legislativas, apresentou hoje as suas declarações de IRS, correspondentes ao período que vai de 1991 a 2007, através das quais se constata que o maior rendimento anual de que usufruiu foi o de 2007, quando ganhou 43 mil euros brutos, como professor e comentador televisivo. Desafiando os líderes políticos e os autarcas - em especial o presidente da Câmara de Braga, Mesquita Machado, do PS a fazer o mesmo - Manuel Monteiro disse que "a classe política atira as culpas para a justiça, pelo facto de nenhum corrupto ser preso, quando, na verdade, a impunidade resulta das leis que produz e que visam obstaculizar a penalização da corrupção".

Fonte: Lusa.



publicado por Jorge Ferreira às 17:17 | link do post | comentar

O Movimento Missão Minho, de Braga, exigiu, hoje, ao PSD e ao CDS-PP que reapresentem na Assembleia da República o pacote de medidas contra a corrupção elaborado pelo ex-ministro socialista João Cravinho e que o PS recusou. O dirigente deste organismo, Manuel Monteiro, disse, em conferência de imprensa, que só instituindo o princípio da inversão do ónus da prova será possível que a justiça combata eficazmente a corrupção em Portugal.

Fonte: Lusa



publicado por Jorge Ferreira às 17:15 | link do post | comentar

Manuela Ferreira Leite, disse ontem à noite, em Leiria, que a corrupção é "um grande constrangimento" ao desenvolvimento do País, que é necessário ultrapassar e minimizar. Muito bem: e o que vai o PSD fazer para ajudar? Que propostas vai fazer na Assembleia da República?



publicado por Jorge Ferreira às 09:01 | link do post | comentar

Em 1827, morria o compositor alemão Ludwig van Beethoven. Em 1916, na Grande Guerra 1914-18, o marechal Foch era nomeado comandante das forças aliadas. Em 1933, Portugal adoptava a Constituição da ditadura do Estado Novo. Em 1953, o médico norte-americano Jonas Salk apresentava a vacina contra a poliomielite. Em 1976, o general Jorge Videla era designado presidente da junta militar argentina. Em 1977, entrava em funcionamento a barragem de Cahora-Bassa, em Moçambique. Em 1979, o presidente egípcio Anwar Sadat e o primeiro-ministro israelita Menahem Begin assinavam, na Casa Branca, Washington, o primeiro Tratado de Paz do Médio Oriente. Em 1999, Marcelo Rebelo de Sousa demitia-se de presidente da Comissão Política Nacional do PSD. Em 2000, Vladimir Putin ganhava, à primeira volta, as eleições russas, garantindo maioria absoluta. Em 2001, Noruega, Dinamarca, Suécia, Finlândia e Islândia passavam a integrar o espaço Schengen de livre circulação de pessoas. Em 2003, Estónia, Letónia e Lituânia, Bulgária, Roménia, Eslováquia e Eslovénia assinavam os protocolos de adesão à NATO.Em 2005, entrava em vigor o novo Código da Estrada. Em 2007, o Partido Democrata Unionista, de Ian Paisley, e o Sinn Fein, de Gerry Adams, chegavam a acordo para partilhar o poder na Irlanda do Norte, a partir de 08 de Maio. Tomava posse o novo governo kuwaitiano, que integra, pela primeira vez, duas mulheres. Os antropólogos da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Xerardo Pereiro e Cebaldo de León Inawinapi eram distinguidos pela National Geographic Society pela sua investigação sobre os indígenas Kuna do Panamá. Morria João Soares Louro, de 74 anos, antigo presidente da RTP e da RDP.

(Ludwig van Beethoven)



publicado por Jorge Ferreira às 08:53 | link do post | comentar

Hoje é Quinta-feira, 26 de Março, octogésimo quinto dia do ano e Dia do Livro Português. Faltam 280 dias para o final de 2009.O dia é dedicado a S. Bráulio, bispo, e a S. Ludgero, bispo. É Lua Nova às 16:06. O Sol nasce às 06:31 e o ocaso regista-se às 18:55. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 02:59 e 15:18, a baixa-mar às 08:51 e 21:03. Carneiro é o signo dos nascidos nesta data, destacando-se o poeta norte-americano Robert Frost (1874), o dramaturgo, também norte-americano, Tennessee Williams (1911) e a escritora Erica Jong (1942).



publicado por Jorge Ferreira às 08:51 | link do post | comentar

Quarta-feira, 25 de Março de 2009

Um cidadão vai ao correio. Enviar uma carta. À saída, azar dos Távoras, cruza-se com uns assaltantes que iam a entrar. Azar dos Távoras. Leva um tiro. Azar dos Távoras. E morre. Azar dos Távoras. Dos Távoras, não do Far West, que é onde, afinal, todos os portugueses passaram a viver. Entretanto, há vários meses que Portugal está sem ministro da Administração Interna. A última vez que foi visto foi a guerrear (também ele...) por uma cadeira em Cabo Verde. A qual, por azar dos Távoras, tinha uma jornalista lá sentada.

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 19:39 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Caro Carlos,

 

" A República Checa tornou-se um dos países, saídos do Pacto de Varsóvia, mais dinâmicos em grande parte graças ao investimento europeu no país. Basta andar nas ruas do país para perceber isso."

 

Sim. E daí? O facto de ter beneficiado do investimento europeu não faz de nenhum Estado da União vassalo de qualquer suserano, excepto, está claro, quando falamos de países mal governados, com espírito de pedinte e de subserviência primária às vontades de Bruxelas e dos grandes Estados europeus. Por exemplo, José Sócrates gaba-se, na sua biografia autorizada, que, por sinal, tem sido um fracasso de vendas, de "ter feito ajoelhar a Polónia" para aceitar o Tratado de Lisboa. É contra esta Europa, que quer que quem discorde ajoelhe, eu milito. E é contra esta Europa que a República Checa se pronuncia. Bem sei, caro Carlos, que apenas isto basta para que me rotulem de anti-europeu, cbem como a todos aqueles que ousam discordar. Não faz mal.

 

(publicado no Camara de Comuns)



publicado por Jorge Ferreira às 14:37 | link do post | comentar

Refiro-me à República Checa. O primeiro-ministro Mirek Topolonek vai pedir a demissão nos próximos dias, depois do seu Governo ter sido derrotado no Parlamento. À quinta moção de censura, o Governo da República Checa, de centro-direita, caiu. Tudo graças a um pequeno grupo de deputados dissidentes que faziam parte da coligação no poder e que votaram com a oposição social-democrata por considerarem deficientes as medidas económicas e excessivos os escândalos políticos.

A República Checa exerce a Presidência do Conselho de Ministros da União Europeia, durante a qual tem tido a independência de emitir opiniões politicamente incorrectas sobre a Europa e o rumo da União, que, aliás, muito tem irritado os meios fundamentalistas de Bruxelas e arredores.

Agora, os checos não se deixaram condicionar pelo facto de exercerem a Presidência para tomar as decisões que entenderam mais correctas para o seu futuro. Imaginem por breves momentos que tudo isto se passava cá. Aposto, bem apostadinho, que o grande argumento para não fazer cair o Governo seria o de que não se podia pôr em causa o sacrossanto prestígio de Portugal na ordem externa e que era impensável um Governo ser apeado em plena Presidência.

A República Checa mostrou, apenas, que é um Estado independente. Fez muitíssimo bem.

(publicado na edição de hoje do Democracia Liberal e no Camara de Comuns)

(Foto)

 



publicado por Jorge Ferreira às 12:48 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Uma menina de 12 anos, deficiente, foi violada por um homem de 26 anos, enquanto outros dois, de 17 e 19 anos, filmavam tudo. O vídeo foi, depois, posto a circular por toda a escola. Mas o que é isto, se não o regresso à pura barbárie? A propósito, é de ler esta entrada de Bruno Sena Martins, sobre Elizabetf Fritzl, no Avatares de um Desejo.



publicado por Jorge Ferreira às 12:35 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Quatro anos depois de ter sido constituído arguido, Isaltino Morais vai, finalmente, começar a ser julgado. O presidente da Câmara de Oeiras apresenta-se hoje no Tribunal de Sintra onde, de acordo com o despacho proferido pelo Ministério Público, irá responder por alegados crimes de corrupção, fraude fiscal, participação económica em negócio, abuso de poder e branqueamento de capitais. Este e tantos outros processos mostram bem, pelo tempo inadmissível que demoram, como é a justiça à portuguesa. Isto quando assistimos a vários casos que se passam noutros países onde em meses se investiga e se julga.
 



publicado por Jorge Ferreira às 11:09 | link do post | comentar | ver comentários (1)

No primeiro semestre de 2008, período em que a actual crise ainda não era visível, 7093 empresas comunicaram a sua falência, um valor que traduz um aumento de 51% em comparação com igual período do ano precedente e nove por cento face à segunda metade de 2007. Isto antes da crise. O mercado é lixado...
 


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 10:08 | link do post | comentar

Já nos finais de Março, continua sem sair o relatório final da investigação aos vôos da CIA. Isto, depois do Procurador-Geral da República ter anunciado para Fevereiro, pela quarta vez, a conclusão do inquérito. Parto difícil.



publicado por Jorge Ferreira às 10:01 | link do post | comentar

Hoje é inaugurado o hemiciclo novo da Assembleia da República. Cheio de vanguardas tecnológicas. Ou muito me engano ou haverá muito mais notícias do hemiciclo nos próximos tempos.



publicado por Jorge Ferreira às 09:57 | link do post | comentar

Em 1223, morria Afonso II de Portugal. Em 1815, Áustria, Reino Unido, Prússia e Rússia aliavam-se contra Napoleão Bonaparte. Em 1821, a Moldávia proclamava a independência. Em 1824, Pedro I do Brasil jurava a Constituição. Em 1957, a França, Alemanha Federal, Itália, Bélgica, Holanda e Luxemburgo assinavam o Tratado de Roma, que estabelecia a Comunidade Económica Europeia. Em 1977, realizava-se, em Portugal, a última viagem de uma locomotiva a vapor em via larga. Em 1990, realizavam-se as primeiras eleições livres na Hungria, em 43 anos. Em 1991 morria o arcebispo Marcel Lefébvre, de 85 anos, fundador e líder do movimento integrista, excomungado por João Paulo II. Em 1994, morria José Magalhães Godinho, com 85 anos, opositor à ditadura do Estado Novo, militante do PS. Em 2003, morria o antigo deputado socialista José Barros Moura, aos 58 anos. Em 2006, a União Europeia proibia a entrada no espaço europeu do presidente eleito da Bielorrússia, Alexandre Lukachenko, após a detenção de centenas de manifestantes da oposição que exigem novas eleições por suspeita de fraude. E morria Richard Fleischer, de 89 anos, cineasta norte-americano, realizador de "Vinte Mil Léguas Submarinas", "Tora! Tora! Tora!" e "A Rapariga do Baloiço Vermelho". Em 2007, os líderes da União Europeia adoptavam a Declaração de Berlim que previa a aprovação de um novo Tratado Constitucional Europeu até 2009. Brigitte Mohnhaupt, 57 anos, membro do grupo terrorista Facção do Exército Vermelho (Baader-Mainhof), condenada há 24 anos a cinco penas de prisão perpétua, era posta em liberdade.

(Assinatura do Tratado de Roma)



publicado por Jorge Ferreira às 09:30 | link do post | comentar

Hoje é Quarta-feira, 25 de Março, octogésimo quarto dia do ano e Dia Internacional de Solidariedade com as Pessoas Detidas e Desaparecidas. Faltam 281 dias para o final de 2009. O dia é dedicado à Anunciação do Senhor. A Lua encaminha-se para a Fase Nova. É Lua Nova dia 26, às 16:06. O Sol nasce às 06:32 e o ocaso regista-se às 18:54. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 02:23 e 14:44, a baixa-mar às 08:18 e 20:30. Carneiro é o signo dos nascidos nesta data, destacando-se o regente italiano Arturo Toscanini (1867), a escritora britânica Anne Bronte (1820), o compositor húngaro Béla Bartók (1881), a actriz francesa Simone Signoret (1921), a escritora norte-americana Flannery O'Conner (1925), a cantora Aretha Franklin (1942), o músico Elton John (1947), as actrizes Lisa Gay Hamilton (1964) e Sarah Jessica Parker (1968).

(Aretha Franklin)



publicado por Jorge Ferreira às 09:27 | link do post | comentar

Terça-feira, 24 de Março de 2009

O Clube das Repúblicas Mortas passa a ser local de frequência obrigatória. Henrique Raposo e Rui Ramos são os vivos.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 19:23 | link do post | comentar

O Partido Trabalhista aprovou hoje a entrada no Governo de coligação de direita em Israel, liderado pelo Likud, de Benjamin Nethanyahu, de acordo com uma televisão israelita, citada pela agência AFP. Revejam, por favor, as entradas todas que escreveram por esses blogues afora sobre o desastre que seria um tenebroso Governo da extrema-direita obscurantista, radical, extremista e tal e tal de Nethanyahu...


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 18:39 | link do post | comentar

Gosto da Rep. Checa. Não é um país filiado no pensamento único bruxelense, exerce a Presidência do Conselho da União Europeia com carácter próprio e sem correr aos foguetes dos manda-chuvas da União e agora acaba de aprovar uma moção de censura ao Governo, mesmo em plena Presidência. Como é raro hoje vermos Estados independentes...



publicado por Jorge Ferreira às 18:36 | link do post | comentar

JORGE FERREIRA

tomarpartido@sapo.pt

visitantes em linha

English version by Google
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30



DESTAQUES




TAMBÉM ESTOU AQUI

Jorge Ferreira

Cria o Teu Crachá

Aveiro
Comunicar a direito
Democracia liberal
Diário de aveiro
Jorge ferreira
O carmo e a trindade
O templário
Terras de mármore
Tv net

O PARTIDO DOS AMIGOS

A cagarra
Alinhavos
Cão com pulgas
Eclético
Faccioso
Ilha da madeira
Fumaças
Mais actual
Meu rumo
Paris
Sobre o tempo que passa
Tubarão


OUTROS PARTIDOS

A arte da fuga
A barbearia do senhor luís
A casa de sarto
A casa dos comuns
A caveira vesga
A caverna obscura
A civilização do espectáculo
A destreza das dúvidas
A educação do meu umbigo
A gota de ran tan plan
A grande alface
A janela do ocaso
A natureza do mal
A origem das espécies
A outra varinha mágica
A regra do jogo
A revolta das palavras
a ritinha
A terceira noite
A textura do texto
A voz do povo
A voz nacional
A voz portalegrense
As escolhas do beijokense
As penas do flamingo
Abrigo de pastora
Abrupto
Às duas por três
Activismo de sofá
Admirável mundo novo
Adufe
Água leve
Água lisa
Alcabrozes
Alianças
Aliança nacional
Almocreve das petas
Apdeites v2
Arcadia
Arde lua
Arpão
Arrastão
Aspirina b
Atuleirus
Avatares de um desejo

Bar do moe, nº 133
Blasfémias
Bem haja
Berra-boi
Bic laranja
Bicho carpinteiro
Binoculista
Bissapa
Blogo social português
Blogotinha
Blogs e política
Blogue de direita
Blogue da sedes
Blogue real associação de lisboa
Blue lounge
Boca de incêndio
Boina frígia
Braga blog
Branco no branco
Busturenga

Cabalas
Café Bar James Dean
Café da insónia
Caixa de petri
Caixa de pregos
Câmara corporativa
Campos da várzea
Canhoto
Carreira da í­ndia
Causa liberal
Causa nossa
Cegos mudos e surdos
Centenário da república
Centurião
Certas divergencias
Chá preto
Charquinho
Cibertúlia
Cinco dias
Classe polí­tica
Clube das repúblicas mortas
Clube dos pensadores
Cobrador da persia
Combustões
Confidências
Congeminações
Contingências
Controversa maresia
Corta-fitas
Crónicas d'escárnio e mal dizer

Da condição humana
Da literatura
Da rússia
Dar à tramela
Dass
De vexa atentamente
Der terrorist
Delito de opinião
Desconcertante
Desesperada esperança
Despertar da mente
Direito de opinião
Do portugal profundo
Dois dedos de prosa e poesia
Dolo eventual
Duas cidades
Duas ou três coisas
2 rosas

É curioso
É tudo gente morta
e-konoklasta
Em 2711
Elba everywhere
Em directo
Encapuzado extrovertido
Entre as brumas da memória
Enzima
Ephemera
Esmaltes e jóias
Esquissos
Estado sentido
Estrago da nação
Estudos sobre o comunismo
Espumadamente
Eternas saudades do futuro

Falta de tempo
Filtragens
Fliscorno
Fôguetabraze
Foram-se os anéis
Fúria dos dias

Gajo dos abraços
Galo verde
Gazeta da restavração
Geometria do abismo
Geração de 80
Geração de 60
Geração rasca
Gonio
Governo sombra

Há normal?!
Herdeiro de aécio?!
Hic et nunc
Hoje há conquilhas, amanhã não sabemos
Homem ao mar

In concreto
Ideal social
Ideias soltas
Ilusão
Império lusitano
Impressões de um boticário de província
Insinuações
Inspector x
Intimista

Jacarandá
Janelar
Jantar das quartas
João Távora
Jornal dos media
José antónio barreiros
José maria martins
Jose vacondeus
Judaic kehillah of portugal - or ahayim
Jugular
Julgamento público

Kontrastes

La force des choses
Ladrões de bicicletas
Largo da memória
Largo das alterações
Latitude 40
Liblog
Lisbon photos
Lobi do chá
Loja de ideias
Lusitana antiga liberdade
Lusofin

Ma-schamba
Macroscópio
Maioria simples
Maquiavel & j.b.
Margem esquerda
Margens de erro
Mar salgado
Mas certamente que sim!
Mau tempo no canil
Memória virtual
Memórias para o futuro
Metafísica do esquecimento
Miguel teixeira
Miniscente
Minoria ruidosa
Minudencias
Miss pearls
Moengas
Movimento douro litoral
Mundo disparatado
Mundus cultus
My guide to your galaxy

Não há pachorra
Não não e não
Nem tanto ao mar
Neorema
Nocturno
Nortadas
Notas formais
Notícias da aldeia
Nova floresta
Nova frente
Num lugar à direita
Nunca mais

O afilhado
O amor nos tempos da blogosfera
O andarilho
O anónimo
O bico de gás
O bom gigante
O cachimbo de magritte
O condomínio privado
O contradito
O diplomata
O duro das lamentações
O espelho mágico
O estado do tempo
O eu politico
O insubmisso
O insurgente
O islamismo na europa
O jansenista
O jumento
O observador
O país do burro
O país relativo
O pasquim da reacção
O pequeno mundo
O pravda ilhéu
O principe
O privilégio dos caminhos
O profano
O reaccionário
O saudosista
O severo
O sexo dos anjos
O sinaleiro da areaosa
O tempo das cerejas
O universo é uma casca de noz
Os convencidos da vida
Os veencidos da vida
Obrigado sá pinto
Oceano das palavras
Office lounging
Outra Margem
Outubro

Palavra aberta
Palavrussaurus rex
Pangeia
Papa myzena
Patriotas.info
Pau para toda a obra
Pedra aguda
Pedro_nunes_no_mundo
Pedro rolo duarte
Pedro santana lopes
Pena e espada
Perguntar não ofende
Planetas politik
Planí­cie heróica
Playbekx
Pleitos, apostilas e comentários
Politeia
Política pura e dura
Polí­tica xix
Polí­tica de choque
Politicazinha
Politikae
Polvorosa
Porcausasemodivelas
Porto das pipas
Portugal dos pequeninos
Por tu graal
Povo de bahá
Praça da república em beja
Publicista

Quarta república

Registo civil
Relações internacionais
Retalhos de edith
Retórica
Retorno
Reverentia
Revisões
Ricardo.pt
Risco contínuo
Road book
Rua da judiaria

Salvaterra é fixe
Sem filtro
Sempre a produzir
Sentidos da vida
Serra mãe
Sete vidas como os gatos
Small brother
Sociedade aberta
Sociologando
Sorumbático
Sou contra a corrente
Super flumina

Táxi
Tempo político
Tenho dito
Teorias da cidade
Tese & antítese
Tesourinhos deprimentes
There is a light never goes out
Tirem-me daqui
Tralapraki
Transcendente
Tribuna
31 da armada
Tristeza sob investigação
Triunfo da razão
Trova do vento que passa

Último reduto
Um por todos todos por um

Vale a pena lutar
Vasco campilho
Velocidade de cruzeiro
Viagens no meu sofá
Vida das coisas
Vento sueste
Voz do deserto

Welcome to elsinore

Xatoo

Zarp blog

PARTIDOS DOS ALUNOS

Ao sul
As cobaias
Fados e companhia
O cheiro de santarém pela manhã
Platonismo político
Projecto comunicar

PARTIDOS DE ABRANTES

Abranteimas
Rua da sardinha
Torre de menagem

PARTIDOS DO ALGARVE

Mons cicus
Olhão livre
Tavira tem futuro
The best of lagos

PARTIDOS DE AVEIRO

A ilusão da visão
Academia de aveiro
Actas diárias
Amor e ócio
Arestália
Aveiro sempre
Bancada directa
Bancada norte
Blog de sergio loureiro
Botanabateira
Código da vivencia
Cogir
Debaixo dos arcos
Desporto aveiro
Divas e contrabaixos
Estados gerais
Forum azeméis
Já agora
Margem esquerda
Neo-liberalismo
Nós e os outros
Notas de aveiro
Notícias da aldeia
Noticias de ovar
Painéis de aveiro
Pontos soltos
Portal do beira-mar
4linhas
Quotidiano da miséria
7 meses
The sarcastic way
Visto de fora
Vouga

PARTIDOS DE OEIRAS

À rédea solta
Escrever sobre porto salvo
Eu sou o poli­ticopata
Oeiras local
Rememorar oeiras

PARTIDOS DE TOMAR

Alcatruzes da roda
Algures aqui
À descoberta de tomar
Charneca da peralva
Nabantia
Olalhas
Os cavaleiros guardiões de sta. maria do olival
Sondagem tomar
Tomar
Thomar vrbe
Tomar, a cidade
Tomar a dianteira
Vamos por aqui

PARTIDOS DE VILA VIÇOSA

A interpretação do tempo
Infocalipo
O restaurador da independencia
Tasca real

PARTIDOS POÉTICOS

Arrimar
Corte na aldeia
Forja de palavras
Linha de cabotagem (III)
Nimbypolis
O melhor amigo
Ofí­cio diário
Orgasmos dos sentidos

PARTIDOS DAS ÁGUIAS

A águia
A ilíada benfiquista
A mística benfiquista
Amo-te, benfica
Anti-anti-benfica
Benfiquistas desde pequeninos
Calcio rosso
Chama imensa
Diário de um adepto benfiquista
E isso me envaidece
E pluribus unum
Encarnados
Encarnado oriental
Encarnado e branco
Eterno benfica
Football dependent
Gloriosa fúria vermelha
Glorioso jornal
Gordo vai à baliza
Javardos benfiquistas
loucos pelo slb
Mágico slb
Mar vermelho
Memória gloriosa
Não se mencione o excremento
Novo benfica
O antitripa
O inferno da luz
O grémio benfiquista
Os nossos queridos jornalistas desportivos
País de corruptos
Quero a verdade
Ser benfiquista
Slbenfica - forever champions
Slblog
Tertúlia benfiquista
Um zero (1-0) basta
Vermelhovzky
Vedeta da bola
Vedeta ou marreta?
Velho estilo ultras
Vermelho à moda do porto

PARTIDOS DA BOLA

Cromo dos cromos

PARTIDOS DO DIREITO

Ab surdus
Assembleia de comarca
Blog de informação
Blog do dip
Cartilha jurídica
Cum grano salis
Direito na sociedade da informação
Dizpositivo
Elsa
Incursões
Iuris
Leituras oficiosas
Legalidade
Lex turistica nova
Mens agit molem
Notas constitucionais
O meu monte
Patologia social
Piti blawg
Ré em causa própria
Reforma da justiça
Rumo do direito
Santerna
Suo tempore
Trepalium
Urbaniuris
Vexata quaestio

PARTIDOS DA VIDA

Açores pelo não
Alentejo pelo não
(Des)conversas em família
Direito a viver
Évora pelo não
Fiat lux
Impensável
Jornal da família
Nebulado
Pela vida
Pelo não
Quero viver
Razões do não
Sinto a vida
Sou a favor da vida

PARTIDOS DA ARGENTINA

El opinador compulsivo

PARTIDOS DO BRASIL

Ação humana
Cronicas do joel
Depósito do maia

PARTIDOS DE ITÁLIA

Importanza dele parole

PARTIDOS DOS LIVROS

Blog do espaço de memória e do pátio das letras
D'outro tempo
Lerblog
Mundo pessoa

PARTIDOS DAS REVISTAS

Alameda digital
Leonardo, revista de filosofia portuguesa

PARTIDOS DA TAUROMAQUIA

Lides alentejanas
Toiradas

PARTIDOS DOS BLOGUES

aniversários de blogues
Blog do dia dn
Blogpatrol
Blogpulse
Blogsearch
Blogservatório
Blogs em lí­ngua portuguesa
Moblig
Orochi's blog
Sapo blogs
Technorati
Weblog

PARTIDOS DA POLÍTICA

Bloco de esquerda
Centro democrático social
Os verdes
Partido comunista português
Nova democracia
Partido social-democrata
Partido socialista


PARTIDOS DOS JOGOS OLÍMPICOS

Atenas 2004
Pequim 2008
Comité olí­mpico internacional
Comité olí­mpico de portugal

PARTIDOS DOS JORNALISTAS

a capital
Jornal do diabo
O comércio do porto



TAMBÉM JÁ ESTIVE AQUI
Blogue do não
Câmara de comuns
Eleições 2009
Nova vaga
Novo Rumo
O carmo e a trindade
O eleito
Olissipo
Ota não
Portal lisboa
RCP ONLINE
Semanário
Sportugal
Tomarpartido
ARQUIVOS

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

subscrever feeds
tags

efemérides(867)

borda d'água(850)

blogues(777)

josé sócrates(537)

ps(339)

psd(221)

cavaco silva(199)

pessoal(182)

justiça(180)

educação(150)

comunicação social(139)

política(137)

cds(126)

crise(121)

desporto(120)

cml(116)

futebol(111)

homónimos(110)

benfica(109)

governo(106)

união europeia(105)

corrupção(96)

freeport de alcochete(96)

pcp(93)

legislativas 2009(77)

direito(71)

nova democracia(70)

economia(68)

estado(66)

portugal(66)

livros(62)

aborto(60)

aveiro(60)

ota(59)

impostos(58)

bancos(55)

luís filipe menezes(55)

referendo europeu(54)

bloco de esquerda(51)

madeira(51)

manuela ferreira leite(51)

assembleia da república(50)

tomar(49)

ministério público(48)

europeias 2009(47)

autárquicas 2009(45)

pessoas(45)

tabaco(44)

paulo portas(43)

sindicatos(41)

despesa pública(40)

criminalidade(38)

eua(38)

santana lopes(38)

debate mensal(37)

lisboa(35)

tvnet(35)

farc(33)

mário lino(33)

teixeira dos santos(33)

financiamento partidário(32)

manuel monteiro(32)

marques mendes(30)

polícias(30)

bloco central(29)

partidos políticos(29)

alberto joão jardim(28)

autarquias(28)

orçamento do estado(28)

vital moreira(28)

sociedade(27)

terrorismo(27)

antónio costa(26)

universidade independente(26)

durão barroso(25)

homossexuais(25)

inquéritos parlamentares(25)

irlanda(25)

esquerda(24)

f. c. porto(24)

manuel alegre(24)

carmona rodrigues(23)

desemprego(23)

direita(23)

elites de portugal(23)

natal(23)

referendo(23)

apito dourado(22)

recordar é viver(22)

banco de portugal(21)

combustíveis(21)

música(21)

pinto monteiro(21)

bcp(20)

constituição(20)

liberdade(20)

saúde(19)

augusto santos silva(18)

cia(18)

luís amado(18)

todas as tags