Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

Lisbon Treaty Irish Referendum Blog - National Platform. O blogue da Plataforma Nacional do Não na Irlanda.

(Via Eclético)



publicado por Jorge Ferreira às 23:11 | link do post | comentar

A China contra a China. Ou os efeitos perversos da mão de obra barata e do trabalho sem direitos. Foi descoberta uma fabriqueta de bandeiras do Tibete no sul da China. Lá sai mais barato.


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 17:49 | link do post | comentar

No debate com José Sócrates o deputado Louçã anunciou a posição dos sindicatos quanto às propostas do Governo sobre o Código de Trabalho. Não, os sindicatos não são correias de transmissão dos partidos. E disse mais o deputado Louçã: que Sócrates tinha aberto uma guerra contra a esquerda. Queria Louçã dizer, traduzindo, que Sócrates guinou à esquerda e PC e BE estão furiosos por sentirem a sua margem de rua a estreitar. Não é por acaso que a guinada dói. Nas vésperas de um 1º de Maio, não se vê uma especial mobilização contra as propostas do Governo, o que é sintomático de elas aguaradam à esquerda laboral. O pior é o país.

 

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 16:40 | link do post | comentar

Excelente intervenção de Santana Lopes no debate com José Sócrates. Pela primeira vez Sócrates não adopta um tom jocoso a responder ao líder parlamentar do PSD, o que revela preocupação política e reconhecimento da eficácia de Santana Lopes. Este, em poucas palavras conseguiu demonstrar que o Governo vive num mundo imaginário onde não há jornais, nem economia, nem pessoas.



publicado por Jorge Ferreira às 15:57 | link do post | comentar | ver comentários (2)

No debate mensal com o Primeiro-Ministro, o amigo das FARC Jerónimo de Sousa anunciou que o PCP vai apresentar uma moção de censura ao Governo. Trata-se mais de uma moção de competição com o Bloco de Esquerda, do que uma iniciativa com sentido útil e que visa esconder a dificuldade óbvia do PCP em condenar as últimas propostas de esquerda do Governo sobre o combate à precarização do trabalho.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 15:24 | link do post | comentar

No estado actual da questão, parece que existe uma tendencial bipolarização entre Manuela Ferreira Leite e Pedro Passos Coelho, parece que Santana Lopes tem uma via estreita para obter um resultado que se veja, parece que Alberto João Jardim está desejoso de se candidatar e parece que a candidatura que aparece como novidade é a de Pedro Passos Coelho. Parece.  


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 13:14 | link do post | comentar | ver comentários (1)

O Sátira Direita, blogue humorístico, na boa tradição satírica portuguesa, fechou. Por uma boa razão: em Portugal a realidade ultrapassa largamente a ficção. O último episódio da vida portuguesa, em que os polícias apareceram a exigir segurança ... nas esquadras da polícia, é uma prova disso mesmo.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 13:05 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Hoje, às 21.15 horas, em directo na TVNET, eu e o Rui Paulo Figueiredo, para falar da actualidade,  dos positivos e dos negativos da semana.


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 00:33 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Terça-feira, 29 de Abril de 2008

Pedro Passos Coelho abriu um blogue de campanha. Chama-se O Futuro é Agora. A seguir com atenção na cada vez mais animada campanha para a liderança do PSD. Pelo menos na blogoesfera leva avanço em relação aos outros candidatos, com excepção de Pedro Santana Lopes que abriu o seu blogue muito antes da crise.



publicado por Jorge Ferreira às 23:10 | link do post | comentar

Já saiu o Boletim OLIVENÇA-PORTUGAL de Abril/2008 (nº 8, III Série), editado pelo GAO e disponível aqui.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 22:22 | link do post | comentar

O ministro da Administração Interna considera "desaconselhável" haver apenas um agente numa esquadra da PSP e que "não podem ser locais vulneráveis". Que bom haver um ministro para nos lembrar estas coisas tão difíceis de entender. Que bom. Bem mais interessante seria que o ministro nos explicasse como foi possível que naquela esquadra estivesse apenas um polícia. Ou o ministro só serve para comentar e não serve para evitar problemas na área que tutela?



publicado por Jorge Ferreira às 15:00 | link do post | comentar

A propósito do referendo sobre o Tratado de Lisboa na Irlanda, a Comissão do Referendo vai enviar para casa dos eleitores dois milhões de exemplares do Tratado para que todos possam lê-lo e votar sabendo o que está em causa. Trata-se, evidentemente, de uma bizarria irlandesa. Por cá, temos sim um amplo debate público como se tem visto, ouvido e lido e uma ideia destas mereceria certamente uma objecção orçamental de Teixeira dos Santos. Os opinantes encartados objectariam que o povo não lê jornais, quanto mais Tratados e que o texto é complicado demais para ser entendido pelo comum dos mortais. Deve ser por estas e outras que Cavaco Silva argumentava em 1992 que um referendo sai caro. Gastar quase 6 milhões de euros num referendo seria de facto um luxo democrático. Por estes dias, sinto-me mesmo irlandês.



publicado por Jorge Ferreira às 12:01 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Na Irlanda, pelos vistos o único Estado da União Europeia que vai realizar um referendo ao Tratado de Lisboa, por adequada imposição constitucional, 31% das intenções de voto apontam para um "não" no referendo marcado para 12 de Junho. Há dois meses, a oposição ao tratado era apenas de 24 por cento; a percentagem de indecisos aumentou um ponto. A oposição ao Tratado na Irlanda cresceu substancialmente nas últimas semanas, provocando pela primeira vez um risco real de voto negativo no referendo para a sua ratificação. A última sondagem publicada no domingo no jornal irlandês Sunday Business Post diz que o número de opositores ao Tratado cresceu sete pontos desde há dois meses, para atingir 31 por cento das intenções de voto. Pelo contrário, a proporção dos que contam votar a favor caiu oito pontos, para 35 por cento, enquanto os indecisos cresceram um ponto, para 34 por cento. E se? ...



publicado por Jorge Ferreira às 11:53 | link do post | comentar

A entrevista de António Cunha Vaz ao Público. E cada vez me convenço mais que a melhor atitude face ao que li é não comentar. Comentar é sempre uma forma de ampliar o eco.



publicado por Jorge Ferreira às 11:49 | link do post | comentar

Segunda-feira, 28 de Abril de 2008

Um grupo de meliantes invadiu uma esquadra de polícia, onde apenas existia uma alma fardada e espancou um puto que apresentava queixa contra o bando. No Estado socialista nem as esquadras são lugares seguros. Eis o que décadas de Governos PSD, PS e CDS, que já teve direito ao secretário de Estado do costume, fizeram à nossa polícia.



publicado por Jorge Ferreira às 14:48 | link do post | comentar | ver comentários (1)

No meio desta confusão toda que reina no PSD, uma questão principal passou para segundo plano. E essa questão é a seguinte: o que fez realmente Luís Filipe Menezes demitir-se? Bem sei que abundam as aparências, designadamente o crescendo de contestação interna que ele soube metodicamente construir à sua volta. Mas, para quem estava determinado a sair apenas à bomba do lugar, convenhamos que é estranho que a bomba não se veja, assim, à vista desarmada. Mais curioso, ainda, não vejo ninguém interessado na comunicação social, em investigar a questão. Definitivamente o pretexto "entrevista-de-Aguiar-Branco" é frouxo demais. Quem esclarece? Ou estará guarada a razão para mais oportuno e mortífero momento?



publicado por Jorge Ferreira às 14:07 | link do post | comentar | ver comentários (3)

Em 1886, era inaugurado o monumento aos Restauradores, em Lisboa. Em 1945, o dirigente fascista italiano Benito Mussolini e a sua companheira Clara Petaci eram executados no Lago Como. Em 1969, o presidente francês Charles de Gaulle renunciava ao cargo. Em 1970, morria, no Cairo, o presidente egípcio Gamal Abdel Nasser sucedendo-lhe o vice-presidente Anwar el Sadat. Em 1974, com a queda da ditadura portuguesa, regressava do exílio o dirigente socialista Mário Soares. Em 1978, líderes do golpe militar pro-soviético no Afeganistão anunciavam a morte do presidente Mohammad Daoud . Em 1986, dois dias depois do pior desastre nuclear da história, a URSS admitia a ocorrência do acidente na central nuclear de Chernobyl, não referindo contudo a existência de vítimas. Em 1989, um tribunal de Bruxelas condenava 14 adeptos ingleses de futebol, todos de Liverpool, a três anos de prisão por homicídio involuntário. Em causa, a morte de 39 pessoas, no Estádio de Heysel, na final da liga de campeões europeus de 1985. Em 1991, exercia-se, pela primeira vez, o voto feminino no cantão suíço de Appenzell. Em 1993, em Portugal, jornalistas e deputados da maioria punham fim ao boicote informativo às actividades do Parlamento. Os profissionais da informação voltavam a ter acesso aos corredores que circundam o hemiciclo. Em 2000, o Estado português era condenado na acção cível interposta pelos pais de uma criança morta no Aquaparque, em Lisboa, em 1993. Em 2001, o primeiro turista do Espaço, o multimilionário norte-americano Dennis Tito, partia de Baikonur, a bordo de uma nave Soyuz, acompanhado de dois cosmonautas russos. Em 2007, realiza-se em Díli o primeiro congresso do novo partido timorense, o Conselho Nacional da Reconstrução Timorense, CNRT. Sheila Watson, 53 anos, é ordenada a primeira mulher arquidiácona da igreja anglicana.

 

(Benito Mussolini e Clara Petacci, executados)



publicado por Jorge Ferreira às 14:00 | link do post | comentar

Hoje é Segunda-feira, 28 de Abril, centésimo décimo nono dia do ano, Dia Nacional da Prevenção e Segurança no Trabalho. Faltam 247 dias para o final de 2008. Odia é dedicado ao Beato Luquésio ou Lúcio, confessor, e Beata Maria Luísa Trichet. A Lua atinge o Quarto Minguante, às 15:12. O Sol nasce às 06:43 e o ocaso regista-se às 20:26. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 09:21 e 21:51, a baixa-mar às 02:53 e 15:16. Os nascidos nesta data pertencem ao signo de Touro, destacando-se James Monroe, quinto presidente dos EUA (1758), o pintor português José Malhoa (1855), os actores Lionel Barrymore (1878), Jack Nicholson (1937) e Ann-Margaret (1941).



publicado por Jorge Ferreira às 13:58 | link do post | comentar

Sábado, 26 de Abril de 2008

Há muito tempo que não escrevo nada sobre o futebol português. Chegou hoje o dia. Hoje, foi dia grande. No mais aguardado derby da Liga, os azuis apanharam os encarnados no primeiro lugar, embora os encarnados estejam à frente por diferença de golos marcados e sofridos. Ou seja, vai haver campeonato até ao fim. É evidente que preferia que azuis e encarnados não jogassem com tantos estrangeiros. Mas são as leis modernas do mercado futebolístico. Não se pode é negar espectacularidade e emoção ao futebol português. A duas jornadas do fim, empatados em pontos, é de ataque cardíaco. Tenho é pena que talvez na próxima época azuis e encarnados não consigam segurar os portugueses de qualidade que restam nas suas equipas. Há clubes estrangeiroas a disputar Carlos Queiroz, Cristiano Ronaldo, Ricardo Carvalho  e companheiros. Fala-se até em ligas emergentes do sul da Europa. Seria uma pena.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 18:52 | link do post | comentar

Boa ideia a de tentar desenvolver o hábito das biografias independentes, isto é, sem vistoria prévia do biografado, no mercado português. Seja uma página em branco, como prevê o João, seja com uma coisita ou outra, como deseja o Coutinho Ribeiro. Sugestão editorial que aqui deixo: uma edição bilingue, em português e em inglês. Técnico, é claro.



publicado por Jorge Ferreira às 17:30 | link do post | comentar

Depois de querer o Estado a intervir nos preços, como fazia Vasco Gonçalves, Paulo Portas continua o seu tirocínio para talvez suceder a Louçã no Bloco de Esquerda. Agora decidiu ser contra a gestão por objectivos. Certamente sem mais nada para fazer, Portas decidiu inventar que a ASAE não deve ser gerida por objectivos. Com a falta de votos que ele tem até se compreende a aversão à gestão por objectivos. Mas não deixa de ser divertido ver quem passa a vida a exigir qualidade e produtividade ao Estado fazer esta cruzada ridícula. Certamente está a pensar que voltará a ter suceso nas feiras a dizer mal da ASAE. Além de que já foi desmentido. E que tal devolver as fotocópias?



publicado por Jorge Ferreira às 16:50 | link do post | comentar | ver comentários (2)

A vida a 26, por Rui Bebiano, em n' A Terceira Noite. A exposição de pintura de Torquato da Luz, no Ofício Diário. Para acompanhar a política internacional diariamente recomendo o Palavra Aberta, da Carlos Manuel Castro.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 16:17 | link do post | comentar

Em 1532, Suleiman I da Turquia invadia a Hungria e avançava sobre Viena. Em 1778, a França declarava guerra à Áustria e, em 1807, a Rússia e a Prússia aliavam-se para expulsar a França dos estados germânicos. Em 1964, as nações africanas do Tanganica e Zanzibar uniam-se para formar a Tanzânia. Em 1985, os líderes do Pacto de Varsóvia assinavam, na capital polaca, o protocolo que renovava a validade do tratado da aliança militar até 2005. Em 1986, um incêndio no reactor quatro da central nuclear de Chernobyl, na URSS, matava 31 pessoas, feria 200 e obrigava à evacuação de 135 mil residentes na área. O impacte do sinistro, o mais grave numa instalação nuclear, afecta ainda esta região ucraniana, conhecida por "dead zone" ("zona morta"). Em 1992, os "mujahedeen" entravam em Cabul, 14 anos após a subida ao poder dos comunistas no Afeganistão. Em 1994, começavam na África do Sul, as primeiras eleições multirraciais, que se prolongariam até 29 de Abril. Na mesma data o Governo português revelava ter sido descoberto um microfone de escuta no gabinete do Procurador-Geral da República. Em 1995, era inaugurada em Setúbal a Auto Europa. Em 1996, a China, a Rússia, o Cazaquistão, o Tajiquistão e o Quirguistão assinavam o acordo de pacificação de fronteiras. Em 2004, o Tribunal Administrativo de Lisboa suspendia as obras do túnel do Marquês do Pombal, em Lisboa, até à apresentação de um estudo de impacte ambiental. E o processo das fraudes das portagens da Brisa chegava ao fim, com 32 penas suspensas e oito absolvições. Em 2006, o relator da comissão de inquérito especial do Parlamento Europeu Cláudio Fava revelava que mais de um milhar de voos secretos da CIA passou desde 2001 pelos aeroportos e espaço aéreo europeus. Em 2007, é constituído o movimento cívico "Regiões, Sim". Jorge Sampaio é nomeado alto representante da ONU para o Diálogo de Civilizações, pelo secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon.

 

(Suleiman I)



publicado por Jorge Ferreira às 16:07 | link do post | comentar

Hoje é Sábado, 26 de Abril, centésimo décimo sétimo dia do ano e Dia Mundial da Propriedade Intelectual. Faltam 249 dias para o final de 2008. Odia é dedicado a Sto. Anacleto, (ou Cleto), papa e mártir, e a S. Pascásio, abade. A Lua encontra-se na Fase Minguante. Quarto Minguante, dia 28 às 15:12. O Sol nasce às 06:45 e o ocaso regista-se às 20:24. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 07:20 e 19:39, a baixa-mar às 00:55 e 13:03. Os nascidos nesta data pertencem ao signo Touro, destacando-se o filósofo e economista escocês David Hume (1711), o político neozelandês W. F. Massey (1856) e o industrial alemão Alfred Krupp (1812).

 

(David Hume)



publicado por Jorge Ferreira às 15:36 | link do post | comentar

Sexta-feira, 25 de Abril de 2008

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comprei o meu primeiro e-book. Algum dia tinha de ser.


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 20:35 | link do post | comentar

Ana Gomes publica no Causa Nossa cinco entradas demolidoras sobre a impunidade de que têm beneficiado  as tropelias e os gravíssimos comportamentos de Paulo Portas no tempo em que foi ministro. Depois de as ler, é inevitável perguntar: afinal, foi para isto que se fez o 25 de Novembro?



publicado por Jorge Ferreira às 19:23 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Atendendo às análises feitas nos últimos dias sobre o que se passa com as candidaturas a líder do PSD, talvez fosse boa ideia mudar o símbolo do Partido para uma lebre.

 

(Foto)


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 18:51 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Cavaco Silva queixou-se da ignorancia dos jovens sobre dados essenciais da história de Portugal e da actualidade. Mandou fazer um estudo e assustou-se com as respostas. Esta realidade é evidente todos os dias nas escolas de Portugal. O sistema de ensino hoje é um falhanço da democracia. Cavaco Silva tem especiais responsabilidades, como têm o PSD, o PS e até o CDS teve secretários de Estado da Educação que se revelaram ineptos e tão incompetentes como os dos outros partidos. Mas tudo isto é passado. O que interessa é o futuro. O problema é que no ministério da Educação continua a vigorar a filosofia que aluno que não sabe deve passar de ano exactamente como se soubesse a matéria. Foi assim que chegámos aqui. E, pelos vistos, apesar da inesperada auto-crítica de Cavaco Silva, é assim que continuaremos nos próximos tempos.

 

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 13:03 | link do post | comentar

Em 1898, o congresso norte-americano fazia a declaração oficial de guerra a Espanha, pela questão de Cuba. Em 1945, delegados de 46 países reuniam-se em S. Francisco para assinar a carta das Nações Unidas. Em 1974, um grupo de oficiais portugueses, reunido no Movimento das Forças Armadas, lançava a operação de derrube da ditadura do Estado Novo que durava há 48 anos. Dirigido, na maioria, por jovens capitães, o golpe, que ficou conhecido por Revolução dos Cravos, derrubou o regime de Marcello Caetano e pôs fim à guerra colonial. Em 1975, realizavam-se as eleições para a Assembleia Constituinte portuguesa, o primeiro acto eleitoral livre e universal, na História do país. Em 1976, decorriam as eleições para o primeiro Parlamento português pós-25 de Abril. Em 1983, Portugal realizava eleições legislativas antecipadas, que dariam a vitória ao Partido Socialista.  Em 1988, um tribunal israelita condenava à morte John Demjanjuk, antigo mecânico de automóveis, depois de ter provado que se tratava de Ivan, o terrível, antigo guarda nazi.  Em 1995, morria a actriz e bailarina norte-americana Ginger Rogers, com 83 anos. Em 1996, o governo israelita de Shimon Peres retirava a cláusula que impedia a criação de um Estado palestiniano, do seu programa. Em 2001, morria o antigo piloto de Fórmula 1 Michele Alboretto, 44 anos. Na mesma data, o ex-presidente filipino Joseph Estrada era detido, em Manila. Em 2003, morria o general Manuel Themudo Barata, 83 anos, presidente da Sociedade Histórica da Independência de Portugal. Em 2007, é inaugurado o Túnel do Marquês, em Lisboa, dois anos e meio depois da data prevista. Morre Alan Ball, 61 anos, antigo futebolista inglês, jogador da selecção de Inglaterra que venceu o Mundial de 1966.

 

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 12:45 | link do post | comentar

 

Hoje é Sexta-feira, 25 de Abril, centésimo décimo sexto dia do ano e Dia da Liberdade. Faltam 250 dias para o final de 2008. O dia é dedicado a S. Marcos Evangelista, bispo, e ao Beato Pedro de S. José Betancur. A Lua encontra-se na Fase Minguante. Quarto Minguante, dia 28 às 15:12. O Sol nasce às 06:46 e o ocaso regista-se às 20:23. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 06:41 e 18:57, a baixa-mar às 00:17 e 12:24. Os nascidos nesta data pertencem ao signo Touro, destacando-se o compositor russo Ilyich Tchaikovsky (1840), Guglielmo Marconi, inventor da telegrafia sem fios (1874), a cantora norte-americana Ella Fitzgerald (1918) e o actor Al Pacino (1940).

 

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 12:29 | link do post | comentar

José Sócrates surge como primeiro-ministro de Porto Rico na lista de Pessoas Importantes na WEB (WIP-Web Important People) criada pelo grupo espanhol Prisa para contabilizar e ordenar as referências na Internet a personalidades de todo o Mundo. Pina Moura anda distraído. Mau Maria ...



publicado por Jorge Ferreira às 01:34 | link do post | comentar | ver comentários (2)

O meu amigo Rui Costa Pinto começou uma nova vida. Criou uma editora, cujo sítio acaba de ser colocado on line. Talvez um dia se escreva um livro a explicar como se passa de jornalista a editor. Para já vale a pena visitar o sítio e ajudar uma micro-empresa. O sítio é arejado e moderno (não é uma alegoria ...). Um projecto a acompanhar com interesse. Até porque vêm lá livros bem interessantes. Aqui fica um cheirinho.



publicado por Jorge Ferreira às 00:30 | link do post | comentar

Esta semana o Youtube comemorou o seu terceiro aniversário. A efeméride não foi assinalada a preceito, talvez por andarmos todos distraídos com a epopeia do PSD. O Youtube foi uma revolução silenciosa. De repente todos podemos aparecer na televisão, perdão, na Internet, sem saber ler nem escrever. De repente, todos podemos ser realizadores, produtores, artistas, locutores de televisão, perdão, de Internet, sem saber ler nem escrever.

Digo sem saber ler nem escrever intencionalmente. É que o sistema educativo português já sentiu na pele a revolução do Youtube. Foi num documentário sobre uma adolescente, um telemóvel e uma professora que se bateram recordes de audiência televisiva, perdão, internética, há bem pouco tempo.

Mas o documentário passou de moda, os debates arrefeceram, o país mudou a atenção para as desgraças do futebol, dos apitos, de outros julgamentos e do PSD. Estranhamente, não suscitou nenhum debate, nem polémica que se visse, outra notícia desta semana.

Uma professora de Matemática foi agredida na segunda-feira por uma aluna de 11 anos, do 5.º ano na Escola EB 2.º e 3.º Ciclos Padre Abílio Mendes, no Barreiro. A origem do incidente, que ocorreu pela hora de almoço, é desconhecida, uma vez que as várias entidades envolvidas, desde o Conselho Executivo ao Ministério da Educação, passando pela PSP e Hospital do Barreiro, optaram por não divulgar pormenores do acontecimento. O segredo é a alma da perfeição, o timbre dos paraísos. Por sorte não estava no local nenhum realizador de documentários para o Youtube munido do respectivo equipamento de produção, ou seja, de um telemóvel graduado em máquina de filmar. Por sorte.

Segundo alguns alunos que ouviram falar do caso a aluna terá pontapeado a professora de Matemática depois de esta a ter admoestado por algo que estaria a fazer. Após a agressão, a professora foi assistida no Hospital do Barreiro. A professora formalizou depois queixa junto da PSP do Barreiro. Por parte do Ministério da Educação, o silêncio foi também a regra seguida, com fonte oficial a confirmar o incidente, mas a recusar mais informações. 'A professora agora precisa é de descanso e a aluna é menor', justificou. Já na Escola Padre Abílio Mendes, o Conselho Executivo esteve ontem alegadamente reunido durante todo o dia, motivo pelo qual recusou prestar declarações.

Ainda esta semana outro facto passou despercebido. A ministra da Educação afirmou que um aluno que não sabe o suficiente não deve “chumbar”, isto é, não deve reprovar, transitando de ano. Também não houve polémica sobre este delírio político da ministra. Já sabíamos que por despacho do ministério que data do tempo do Governo PSD/CDS os alunos do ensino básico que não tenham aproveitamento nas disciplinas necessárias para o efeito transitam de ano à mesma. Agora chegou a confissão.

 

Por outras palavras: que se estude quer não, passa-se. Quer se mereça quer não, passa-se. Quer se saiba quer não, passa-se. A facilidade, em vez do rigor, o laxismo em vez da exigência. Deve ser por causa desta política que tantos políticos que chumbam no Governo se propõem sempre voltar a tentar. Devem achar-se alunos do ensino básico e perguntar lá para os seus botões: “Que diabo, se um puto que não sabe nada passa de ano, por que não hei-de eu voltar a ser líder, ministro ou até Primeiro-Ministro?”

(publicado na edição de hoje do Diário de Aveiro)

(Foto)



publicado por Jorge Ferreira às 00:10 | link do post | comentar

Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

A Assembleia da República aprovou esta semana o Tratado de Lisboa. Depois de todos os partidos terem prometido um referendo, a verdade é que negaram aos portugueses o direito de se pronunciar directamente sobre o Tratado. Não é por não ser a primeira vez que deixa de ser uma vergonha.

 

O Tratado em si retira mais uma suculenta fatia de soberania ao Estado. E consolida uma Europa dos grandes Estados, subordinando os Estados mais pequenos à sua vontade e aos seus interesses.

 

Os portugueses continuam a ser tratados como capachos da vontade de um punhado de dirigentes submetidos a interesses estrangeiros, fazendo-o sem legitimidade, pondo assim em causa o mecanismo da representação política democrática.

(publicado na edição de hoje do Democracia Liberal)



publicado por Jorge Ferreira às 23:11 | link do post | comentar

O filho de Luís Filipe Menezes é mandatário da candidatura de Pedro Passos Coelho. A política por interposta pessoa. Angelo Correia está em campo. Menezes não apoia mas manda o filho. Fraco. Muito fraco mesmo.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 19:51 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Pedro Santana Lopes é o quinto candidato anunciado à liderança do PSD, depois de Pedro Passos Coelho, Mário Patinha Antão, António Neto da Silva e Manuela Ferreira Leite.


tags:

publicado por Jorge Ferreira às 19:49 | link do post | comentar

Está armado o 31 de que vos falei há dias. O Medo do Voto.


publicado por Jorge Ferreira às 18:50 | link do post | comentar

Este ano anda tudo muito calado sobre o discurso de Cavaco Silva nas comemorações do 25 de Abril na Assembleia da República. Será que a visita à Madeira empalideceu a estrelinha presidencial?



publicado por Jorge Ferreira às 18:35 | link do post | comentar

O Tribunal de Santa Maria da Feira encerrado hoje por ordem ministerial foi inaugurado em 1991 por Laborinho Lúcio, então ministro da Justiça, tendo sido lançada a primeira pedra em 1983. Orçado em cerca de 400 mil contos (dois milhões de euros), o edifício está localizado em pleno centro da cidade, num terreno de natureza panatanosa. O empreiteiro, entretanto, faliu.   Após um período de impasse, a autarquia local responsabilizou-se pelos acabamentos, estabelecendo para o efeito um acordo com o Ministério da Justiça. O tribunal é uma obra da autoria de Alfredo Viana de Lima, falecido em 1991. O Ministério da Justiça ordenou hoje o "encerramento imediato" do Palácio da Justiça de Santa Maria da Feira na sequência das deficiências estruturais detectadas no edifício, apesar de considerar que não se prevê qualquer agravamento iminente. Apesar do encerramento imediato das instalações, o ministério decidiu manter em funcionamento naquele local os serviços do Ministério Público, que estão localizados num módulo destacado, sendo ali assegurado todo o serviço urgente. A decisão foi tomada na sequência da posição da juíza-presidente do tribunal, que anunciou o encerramento do edifício na próxima semana devido ao risco de ruir. A juíza presidente reuniu quarta-feira todos os elementos do tribunal, tendo ficado decidido dar dez dias ao Instituto de Gestão Financeira e de Infra-estruturas da Justiça para garantir a segurança ou arranjar alternativa.

 

Tudo nesta história cheira a Portugal. Tudo, do princípio ao fim.



publicado por Jorge Ferreira às 17:23 | link do post | comentar | ver comentários (1)

"É assim a vida, como diria o Sr. António dos pantanos". Ribau Esteves a comentar a disponibilidade de Santana Lopes para se candidatar à liderança do PSD. Ouvi eu na rádio logo de manhãzinha.



publicado por Jorge Ferreira às 16:18 | link do post | comentar | ver comentários (2)

A alegada direita que se senta no hemiciclo à direita do Presidente da Mesa, mas à esquerda dos deputados das esquerdas, simplificando, o CDS e o PSD, são hoje um passivo, um passado, uma caricatura. E prometem chegar assim a 2009. Dias felizes para José Sócrates. Afinal de contas, esta maioria como as outras caírá por si.


tags: , ,

publicado por Jorge Ferreira às 10:14 | link do post | comentar

Em 1898, a Espanha declarava guerra aos EUA. Em 1917, morria, em Buenos Aires, o escritor português Abel Botelho. Em 1926, a Alemanha e a URSS assinavam o tratado de amizade e de neutralidade. Em 1932, o Partido Nazi, da Alemanha, vencia as eleições na Baviera, Prússia, Wurttenberg e Hamburgo. Em 1970, a China lançava o seu primeiro satélite artificial. Em 1986, morriam António Sande Lemos, 51 anos, um dos fundadores do PSD, e a Duquesa de Windsor, 89 anos, por quem Eduardo VIII abdicara do trono. Em 1990, morria o saxofonista e compositor de jazz norte-americano Dexter Gordon, de 67 anos, um dos mestres do bebop. Em 1992, Portugal, apresentava uma taxa de mortalidade infantil de 10,8 por mil, a mais alta da Comunidade Europeia. Em 1993, o presidente da Assembleia da República, Barbosa de Melo, cancelava as comemorações do 25 de Abril, pelo boicote dos jornalistas às actividades do Parlamento. Em 1996, a OLP suprimia todos os artigos da sua Carta que preconizavam a destruição do Estado de Israel. Em 2001, no Japão, o reformista Junichiro Koizumi, 59 anos, vencia, com ampla maioria, as eleições para a presidência do Partido Liberal Democrata e passava a chefiar o Governo. Em 2004, o presidente do clube de futebol de Gondomar e vice-presidente da Câmara, José Luís Oliveira, era indiciado por 67 crimes, no âmbito da operação Apito Dourado. No mesmo dia, morria Estée Lauder, aos 97 anos. Em 2005, o eurodeputado José Ribeiro e Castro era eleito para a liderança do CDS-PP. E Joseph Ratzinger, entronizado Papa Bento XVI.

 

(Estee Lauder)



publicado por Jorge Ferreira às 10:10 | link do post | comentar

Hoje é Quinta-feira, 24 de Abril, centésimo décimo quinto dia do ano, Dia Mundial do Animal de Laboratório. Faltam 251 dias para o final de 2008. O dia é dedicado a S. Fiel de Sigmaringa, mártir, e a Sta. Maria de Sta. Eufrásia Pelletier, virgem. A Lua encontra-se na Fase Minguante. Quarto Minguante, dia 28 às 15:12. O Sol nasce às 06:48 e o ocaso regista-se às 20:22. No porto de Lisboa, a preia-mar verifica-se às 06:08 e 18:22, a baixa-mar às 11:52. Os nascidos nesta data pertencem ao signo Touro, destacando-se Guilherme I da Holanda (1533), São Vicente de Paula (1576) e o marechal francês Henri-Phillip Pétain (1856).



publicado por Jorge Ferreira às 10:03 | link do post | comentar | ver comentários (1)

É difícil encontrar maior expoente do sistema do que Manuela Ferreira Leite. Na hora certa, quando é preciso, Manuela Ferreira Leite está lá para defender o que é preciso e tomar as decisões necessárias. E, no PSD, é também difícil encontrar alguém mais parecido com Sócrates do que Manuela Ferreira Leite. Com uma diferença substancial: os resultados. Sócrates, com cara de mau e arrogância q. b., tem a redução do défice para apresentar na sua folha de serviços. Manuel Ferreira Leite, com aquele ar de Tatcher da S. Caetano à Lapa, tem o desastre do Governo PSD/CDS às costas. Esta diferença pode revelar-se fatal nas eleições.

 

Mesmo assim, o sistema está feliz com a candidatura de Manuela Ferreira Leite. O rotativismo central está assegurado, para gáudio do bloco central dos interesses e da meia dúzia de personalidades de bastidor que vivem dos entendimentos ocultos entre PS e PSD para partilha do Estado, das suas benesses e dos seus negócios. Era difícil encontrar melhor.

 

E o país como ficará? Na mesma. Exactamente na mesma. Aquilo que alguns acham um sinal de prodigiosa estabilidade democrática, o rotativismo, continuará o seu caminho, distante do país, sem resolver os seus problemas fundamentais, e entretido em jogos de personalidades, em estilos pessoais, em feitios, em reportagens do género “um dia na vida de “, a passar nas televisões. Perante um país descrente, desmotivado, sem ver um rumo, uma solução.

 

Não vale a pena esperar do PSD aquilo que o PSD não tem para dar: um debate de ideias, de alternativas, de diferenças, de rupturas até com os estrangulamentos do Estado, da democracia e das instituições. O PSD é autor do sistema. Não o reformará. Alimenta-se dele. Não o condenará. O PSD apenas nos proporciona uma escolha de pessoas, não de políticas. A prova é que Manuela Ferreira Leite, nas poucas declarações sobre política geral que tem feito desde que Marques Mendes foi eleito líder do PSD, tem concordado no essencial com as políticas do PS e de Sócrates, nomeadamente em relação ao combate ao défice e à política fiscal.

 

Agora que, finalmente, Menezes teve juízo e decidiu não se recandidatar, o sistema só poderia ter uma meia desfeita: Manuela Ferreira Leite perder a votação nos militantes. O jogo não está fechado. Pelo menos por agora.

(publicado na edição de hoje do Semanário)



publicado por Jorge Ferreira às 00:07 | link do post | comentar

Quarta-feira, 23 de Abril de 2008

Como esclarece e bem o Carlos Loureiro, no Blasfémias, a nossa comunicação social padece de uma enorme falta de rigor na terminologia. Quem ratifica tratados em Portugal é o Presidente da República. A Assembleia da República aprova. Apre!



publicado por Jorge Ferreira às 22:53 | link do post | comentar

 

SANTORINI

(Yanni)



publicado por Jorge Ferreira às 19:52 | link do post | comentar

Atendendo ao ponto a que chegámos não duvido que Alberto João Jardim tenha perfil e capacidade para liderar o PSD, como diz o inimitável Guilherme Silva. A continuarmos assim, o Inimigo Público corre sérios riscos de fechar e os Gatos Fedorentos poderão ver adiado sine die o seu regresso à televisão. É que por muita imaginação que tenham nunca farão rir tanto como a realidade.



publicado por Jorge Ferreira às 17:38 | link do post | comentar | ver comentários (3)

José Sócrates abriu hoje a sessão plenária que ratificará o Tratado de Lisboa na Assembleia da República, vincando que existe “um grande consenso político e social em torno do Tratado de Lisboa”. Engraçado. Com que máquina calculadora é que o Primeiro-Ministro chegou a esta conclusão? Mas qual consenso? Isso ficar-se-ia a saber se houvesse referendo. Mas Sócrates violou a sua promessa eleitoral e "baldou-se" ao referendo prometido em campanha e no Programa do Governo. Consenso sobre o Tratado apenas existe nas direcções do PS, do PSD e do CDS. Esse consenso é muito diferente de um consenso nacional. Fique lá com as passadeiras, com os holofotes e com a vida porreira de Bruxelas, mas, ao menos por decoro, abstenha-se de propaganda barata, especialmente chocante quando, como é o caso, é feita à custa da falta de respeito pelos compromissos assumidos com os portugueses.



publicado por Jorge Ferreira às 16:16 | link do post | comentar

Hoje, às 21.15 horas, em directo na TVNET, eu e o Rui Paulo Figueiredo, para falar da Madeira, do PSD, dos positivos e dos negativos da semana.


tags: ,

publicado por Jorge Ferreira às 10:49 | link do post | comentar

Em 1621, na Alemanha, era dissolvida a União Protestante. Em 1850, morria o poeta William Wordsworth, precursor do romantismo inglês. Em 1936, a ditadura do Estado Novo criava, por decreto, o campo de concentração do Tarrafal, em Cabo Verde. Os primeiros presos políticos chegariam em 29 de Outubro. Em 1967, era lançada a nave espacial soviética Soyuz-1, com o astronauta Vladimir Komarov, que morreria no dia seguinte, durante a aterragem. Em 1984, morria o cineasta Otto Preminger, 80 anos. Na mesma data o Governo sul-africano abolia a lei do passe, que controlava os locais de trabalho e de residência de 18 milhões de cidadãos negros. Em 1994, morria Richard Nixon, presidente dos EUA entre 1969 e 1974. Em 1995, o socialista Lionel Jospin vencia a primeira volta das eleições presidenciais francesas. Em 1998, a Resistência timorense realizava o congresso de Peniche. Em 2005, Paulo Portas abandonava a liderança do CDS, na abertura do congresso. No mesmo dia, morria John Mills, 93 anos, actor britânico, Óscar pelo desempenho em "A Filha de Ryan". Em 2007, morre Boris Ieltsin, primeiro presidente da Rússia pós-soviética em 1991, o primeiro eleito democraticamente, depois da dissolução da URSS.

 

(John Mills)



publicado por Jorge Ferreira às 10:43 | link do post | comentar

JORGE FERREIRA

tomarpartido@sapo.pt

visitantes em linha

English version by Google
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30



DESTAQUES




TAMBÉM ESTOU AQUI

Jorge Ferreira

Cria o Teu Crachá

Aveiro
Comunicar a direito
Democracia liberal
Diário de aveiro
Jorge ferreira
O carmo e a trindade
O templário
Terras de mármore
Tv net

O PARTIDO DOS AMIGOS

A cagarra
Alinhavos
Cão com pulgas
Eclético
Faccioso
Ilha da madeira
Fumaças
Mais actual
Meu rumo
Paris
Sobre o tempo que passa
Tubarão


OUTROS PARTIDOS

A arte da fuga
A barbearia do senhor luís
A casa de sarto
A casa dos comuns
A caveira vesga
A caverna obscura
A civilização do espectáculo
A destreza das dúvidas
A educação do meu umbigo
A gota de ran tan plan
A grande alface
A janela do ocaso
A natureza do mal
A origem das espécies
A outra varinha mágica
A regra do jogo
A revolta das palavras
a ritinha
A terceira noite
A textura do texto
A voz do povo
A voz nacional
A voz portalegrense
As escolhas do beijokense
As penas do flamingo
Abrigo de pastora
Abrupto
Às duas por três
Activismo de sofá
Admirável mundo novo
Adufe
Água leve
Água lisa
Alcabrozes
Alianças
Aliança nacional
Almocreve das petas
Apdeites v2
Arcadia
Arde lua
Arpão
Arrastão
Aspirina b
Atuleirus
Avatares de um desejo

Bar do moe, nº 133
Blasfémias
Bem haja
Berra-boi
Bic laranja
Bicho carpinteiro
Binoculista
Bissapa
Blogo social português
Blogotinha
Blogs e política
Blogue de direita
Blogue da sedes
Blogue real associação de lisboa
Blue lounge
Boca de incêndio
Boina frígia
Braga blog
Branco no branco
Busturenga

Cabalas
Café Bar James Dean
Café da insónia
Caixa de petri
Caixa de pregos
Câmara corporativa
Campos da várzea
Canhoto
Carreira da í­ndia
Causa liberal
Causa nossa
Cegos mudos e surdos
Centenário da república
Centurião
Certas divergencias
Chá preto
Charquinho
Cibertúlia
Cinco dias
Classe polí­tica
Clube das repúblicas mortas
Clube dos pensadores
Cobrador da persia
Combustões
Confidências
Congeminações
Contingências
Controversa maresia
Corta-fitas
Crónicas d'escárnio e mal dizer

Da condição humana
Da literatura
Da rússia
Dar à tramela
Dass
De vexa atentamente
Der terrorist
Delito de opinião
Desconcertante
Desesperada esperança
Despertar da mente
Direito de opinião
Do portugal profundo
Dois dedos de prosa e poesia
Dolo eventual
Duas cidades
Duas ou três coisas
2 rosas

É curioso
É tudo gente morta
e-konoklasta
Em 2711
Elba everywhere
Em directo
Encapuzado extrovertido
Entre as brumas da memória
Enzima
Ephemera
Esmaltes e jóias
Esquissos
Estado sentido
Estrago da nação
Estudos sobre o comunismo
Espumadamente
Eternas saudades do futuro

Falta de tempo
Filtragens
Fliscorno
Fôguetabraze
Foram-se os anéis
Fúria dos dias

Gajo dos abraços
Galo verde
Gazeta da restavração
Geometria do abismo
Geração de 80
Geração de 60
Geração rasca
Gonio
Governo sombra

Há normal?!
Herdeiro de aécio?!
Hic et nunc
Hoje há conquilhas, amanhã não sabemos
Homem ao mar

In concreto
Ideal social
Ideias soltas
Ilusão
Império lusitano
Impressões de um boticário de província
Insinuações
Inspector x
Intimista

Jacarandá
Janelar
Jantar das quartas
João Távora
Jornal dos media
José antónio barreiros
José maria martins
Jose vacondeus
Judaic kehillah of portugal - or ahayim
Jugular
Julgamento público

Kontrastes

La force des choses
Ladrões de bicicletas
Largo da memória
Largo das alterações
Latitude 40
Liblog
Lisbon photos
Lobi do chá
Loja de ideias
Lusitana antiga liberdade
Lusofin

Ma-schamba
Macroscópio
Maioria simples
Maquiavel & j.b.
Margem esquerda
Margens de erro
Mar salgado
Mas certamente que sim!
Mau tempo no canil
Memória virtual
Memórias para o futuro
Metafísica do esquecimento
Miguel teixeira
Miniscente
Minoria ruidosa
Minudencias
Miss pearls
Moengas
Movimento douro litoral
Mundo disparatado
Mundus cultus
My guide to your galaxy

Não há pachorra
Não não e não
Nem tanto ao mar
Neorema
Nocturno
Nortadas
Notas formais
Notícias da aldeia
Nova floresta
Nova frente
Num lugar à direita
Nunca mais

O afilhado
O amor nos tempos da blogosfera
O andarilho
O anónimo
O bico de gás
O bom gigante
O cachimbo de magritte
O condomínio privado
O contradito
O diplomata
O duro das lamentações
O espelho mágico
O estado do tempo
O eu politico
O insubmisso
O insurgente
O islamismo na europa
O jansenista
O jumento
O observador
O país do burro
O país relativo
O pasquim da reacção
O pequeno mundo
O pravda ilhéu
O principe
O privilégio dos caminhos
O profano
O reaccionário
O saudosista
O severo
O sexo dos anjos
O sinaleiro da areaosa
O tempo das cerejas
O universo é uma casca de noz
Os convencidos da vida
Os veencidos da vida
Obrigado sá pinto
Oceano das palavras
Office lounging
Outra Margem
Outubro

Palavra aberta
Palavrussaurus rex
Pangeia
Papa myzena
Patriotas.info
Pau para toda a obra
Pedra aguda
Pedro_nunes_no_mundo
Pedro rolo duarte
Pedro santana lopes
Pena e espada
Perguntar não ofende
Planetas politik
Planí­cie heróica
Playbekx
Pleitos, apostilas e comentários
Politeia
Política pura e dura
Polí­tica xix
Polí­tica de choque
Politicazinha
Politikae
Polvorosa
Porcausasemodivelas
Porto das pipas
Portugal dos pequeninos
Por tu graal
Povo de bahá
Praça da república em beja
Publicista

Quarta república

Registo civil
Relações internacionais
Retalhos de edith
Retórica
Retorno
Reverentia
Revisões
Ricardo.pt
Risco contínuo
Road book
Rua da judiaria

Salvaterra é fixe
Sem filtro
Sempre a produzir
Sentidos da vida
Serra mãe
Sete vidas como os gatos
Small brother
Sociedade aberta
Sociologando
Sorumbático
Sou contra a corrente
Super flumina

Táxi
Tempo político
Tenho dito
Teorias da cidade
Tese & antítese
Tesourinhos deprimentes
There is a light never goes out
Tirem-me daqui
Tralapraki
Transcendente
Tribuna
31 da armada
Tristeza sob investigação
Triunfo da razão
Trova do vento que passa

Último reduto
Um por todos todos por um

Vale a pena lutar
Vasco campilho
Velocidade de cruzeiro
Viagens no meu sofá
Vida das coisas
Vento sueste
Voz do deserto

Welcome to elsinore

Xatoo

Zarp blog

PARTIDOS DOS ALUNOS

Ao sul
As cobaias
Fados e companhia
O cheiro de santarém pela manhã
Platonismo político
Projecto comunicar

PARTIDOS DE ABRANTES

Abranteimas
Rua da sardinha
Torre de menagem

PARTIDOS DO ALGARVE

Mons cicus
Olhão livre
Tavira tem futuro
The best of lagos

PARTIDOS DE AVEIRO

A ilusão da visão
Academia de aveiro
Actas diárias
Amor e ócio
Arestália
Aveiro sempre
Bancada directa
Bancada norte
Blog de sergio loureiro
Botanabateira
Código da vivencia
Cogir
Debaixo dos arcos
Desporto aveiro
Divas e contrabaixos
Estados gerais
Forum azeméis
Já agora
Margem esquerda
Neo-liberalismo
Nós e os outros
Notas de aveiro
Notícias da aldeia
Noticias de ovar
Painéis de aveiro
Pontos soltos
Portal do beira-mar
4linhas
Quotidiano da miséria
7 meses
The sarcastic way
Visto de fora
Vouga

PARTIDOS DE OEIRAS

À rédea solta
Escrever sobre porto salvo
Eu sou o poli­ticopata
Oeiras local
Rememorar oeiras

PARTIDOS DE TOMAR

Alcatruzes da roda
Algures aqui
À descoberta de tomar
Charneca da peralva
Nabantia
Olalhas
Os cavaleiros guardiões de sta. maria do olival
Sondagem tomar
Tomar
Thomar vrbe
Tomar, a cidade
Tomar a dianteira
Vamos por aqui

PARTIDOS DE VILA VIÇOSA

A interpretação do tempo
Infocalipo
O restaurador da independencia
Tasca real

PARTIDOS POÉTICOS

Arrimar
Corte na aldeia
Forja de palavras
Linha de cabotagem (III)
Nimbypolis
O melhor amigo
Ofí­cio diário
Orgasmos dos sentidos

PARTIDOS DAS ÁGUIAS

A águia
A ilíada benfiquista
A mística benfiquista
Amo-te, benfica
Anti-anti-benfica
Benfiquistas desde pequeninos
Calcio rosso
Chama imensa
Diário de um adepto benfiquista
E isso me envaidece
E pluribus unum
Encarnados
Encarnado oriental
Encarnado e branco
Eterno benfica
Football dependent
Gloriosa fúria vermelha
Glorioso jornal
Gordo vai à baliza
Javardos benfiquistas
loucos pelo slb
Mágico slb
Mar vermelho
Memória gloriosa
Não se mencione o excremento
Novo benfica
O antitripa
O inferno da luz
O grémio benfiquista
Os nossos queridos jornalistas desportivos
País de corruptos
Quero a verdade
Ser benfiquista
Slbenfica - forever champions
Slblog
Tertúlia benfiquista
Um zero (1-0) basta
Vermelhovzky
Vedeta da bola
Vedeta ou marreta?
Velho estilo ultras
Vermelho à moda do porto

PARTIDOS DA BOLA

Cromo dos cromos

PARTIDOS DO DIREITO

Ab surdus
Assembleia de comarca
Blog de informação
Blog do dip
Cartilha jurídica
Cum grano salis
Direito na sociedade da informação
Dizpositivo
Elsa
Incursões
Iuris
Leituras oficiosas
Legalidade
Lex turistica nova
Mens agit molem
Notas constitucionais
O meu monte
Patologia social
Piti blawg
Ré em causa própria
Reforma da justiça
Rumo do direito
Santerna
Suo tempore
Trepalium
Urbaniuris
Vexata quaestio

PARTIDOS DA VIDA

Açores pelo não
Alentejo pelo não
(Des)conversas em família
Direito a viver
Évora pelo não
Fiat lux
Impensável
Jornal da família
Nebulado
Pela vida
Pelo não
Quero viver
Razões do não
Sinto a vida
Sou a favor da vida

PARTIDOS DA ARGENTINA

El opinador compulsivo

PARTIDOS DO BRASIL

Ação humana
Cronicas do joel
Depósito do maia

PARTIDOS DE ITÁLIA

Importanza dele parole

PARTIDOS DOS LIVROS

Blog do espaço de memória e do pátio das letras
D'outro tempo
Lerblog
Mundo pessoa

PARTIDOS DAS REVISTAS

Alameda digital
Leonardo, revista de filosofia portuguesa

PARTIDOS DA TAUROMAQUIA

Lides alentejanas
Toiradas

PARTIDOS DOS BLOGUES

aniversários de blogues
Blog do dia dn
Blogpatrol
Blogpulse
Blogsearch
Blogservatório
Blogs em lí­ngua portuguesa
Moblig
Orochi's blog
Sapo blogs
Technorati
Weblog

PARTIDOS DA POLÍTICA

Bloco de esquerda
Centro democrático social
Os verdes
Partido comunista português
Nova democracia
Partido social-democrata
Partido socialista


PARTIDOS DOS JOGOS OLÍMPICOS

Atenas 2004
Pequim 2008
Comité olí­mpico internacional
Comité olí­mpico de portugal

PARTIDOS DOS JORNALISTAS

a capital
Jornal do diabo
O comércio do porto



TAMBÉM JÁ ESTIVE AQUI
Blogue do não
Câmara de comuns
Eleições 2009
Nova vaga
Novo Rumo
O carmo e a trindade
O eleito
Olissipo
Ota não
Portal lisboa
RCP ONLINE
Semanário
Sportugal
Tomarpartido
ARQUIVOS

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

subscrever feeds
tags

efemérides(867)

borda d'água(850)

blogues(777)

josé sócrates(537)

ps(339)

psd(221)

cavaco silva(199)

pessoal(182)

justiça(180)

educação(150)

comunicação social(139)

política(137)

cds(126)

crise(121)

desporto(120)

cml(116)

futebol(111)

homónimos(110)

benfica(109)

governo(106)

união europeia(105)

corrupção(96)

freeport de alcochete(96)

pcp(93)

legislativas 2009(77)

direito(71)

nova democracia(70)

economia(68)

estado(66)

portugal(66)

livros(62)

aborto(60)

aveiro(60)

ota(59)

impostos(58)

bancos(55)

luís filipe menezes(55)

referendo europeu(54)

bloco de esquerda(51)

madeira(51)

manuela ferreira leite(51)

assembleia da república(50)

tomar(49)

ministério público(48)

europeias 2009(47)

autárquicas 2009(45)

pessoas(45)

tabaco(44)

paulo portas(43)

sindicatos(41)

despesa pública(40)

criminalidade(38)

eua(38)

santana lopes(38)

debate mensal(37)

lisboa(35)

tvnet(35)

farc(33)

mário lino(33)

teixeira dos santos(33)

financiamento partidário(32)

manuel monteiro(32)

marques mendes(30)

polícias(30)

bloco central(29)

partidos políticos(29)

alberto joão jardim(28)

autarquias(28)

orçamento do estado(28)

vital moreira(28)

sociedade(27)

terrorismo(27)

antónio costa(26)

universidade independente(26)

durão barroso(25)

homossexuais(25)

inquéritos parlamentares(25)

irlanda(25)

esquerda(24)

f. c. porto(24)

manuel alegre(24)

carmona rodrigues(23)

desemprego(23)

direita(23)

elites de portugal(23)

natal(23)

referendo(23)

apito dourado(22)

recordar é viver(22)

banco de portugal(21)

combustíveis(21)

música(21)

pinto monteiro(21)

bcp(20)

constituição(20)

liberdade(20)

saúde(19)

augusto santos silva(18)

cia(18)

luís amado(18)

todas as tags